10 de set de 2014

Syren: Banda será o primeiro grupo estrangeiro a tocar nos Andes colombianos




Em sua mini tour pela Colômbia, o SYREN entrará para a história daquela região, como a primeira banda estrangeira a se apresentar por lá.

Nessa quinta o SYREN embarca para a Colômbia, e já tem show na Sexta, 12 de Setembro, no Eddie's Rock Bar, em Cali.




Já no sábado, 13/09, tocam no “Metalheads Conspiracy III”, sendo headliner (com 8 bandas locais antecedendo o grupo), na The Blue Hall.


No dia seguinte, 14/09, domingo a banda se apresenta nos Andes, no Sinforso Cafe, encerrando a  “Colombian Heavy Metal Tour.


Veja o vídeo divulgando esse shows da Colômbia:


Recentemente a banda lançou sua própria cerveja, que pode você poder ver no divertido vídeo:


A cerveja é uma Amber Lager de capim limão, com o título de Syren “Die In Paradise”, nome de uma das músicas de seu primeiro álbum, “Heavy Metal”, que foi lançado originalmente em 2011, e que agora terá sua reedição no exterior. 


Links relacionados:

Fan facebook page : www.facebook.com/syrenbandfanpage



Fonte: Lanciare

Resenha: Project46 - Que Seja Feita a Nossa Vontade (CD)

Wikimetal Music
Nota 9,5/10,0

Por Marcos "Big Daddy" Garcia


O Metal brasileiro tem uma ampla diversidade sonora, ninguém há de negar. Do suave e melodioso ao bruto e explosivo, o Brasil gera banda de todos os tipos e gostos. E isso é bom, pois assim, evita-se a associação do país apenas a um único gênero, com é o Death Metal de Gotemburgo, o Thrash Metal da Bay Area de São Francisco, o Hardcore de Nova York, entre tantos outros. A diversidade torna o gênero forte, e assim ele sobrevive. Aqui, desde os anos 80 surgem nomes fortes, e atualmente, um dos nomes mais proeminentes na cena é o do quinteto paulista PROJECT46. Misturando Metal e Hardcore, com uma pegada moderna e em proporções extremamente explosivas, o grupo mostra em seu segundo disco, "Que Seja Feita a Nossa Vontade".

O trabalho do quinteto é bruto e feroz, ora veloz e rasgado, ora mais cadenciado e opressivo, pulsando com uma energia e agressividade extremas, mas sempre em composições muito bem pensadas e soando compactas. A fusão de vocais urrados (com variações que vão de urros guturais a alguns urros rasgados), riffs abusivamente pesados e coesos (com solos bem compostos e onde melodias aparecem muito bem), baixo e bateria mostrando em forte entrosamento e uma técnica bem apurada (fora um peso absurdo) é excelente, vibrante, e cheia de vida. Um prato cheio para quem gosta de ver as paredes da casa tremer e ouvir os vizinhos reclamar. E aqui, é sem e nem piedade!

Adair Daufembach produziu o CD (em conjunto com o próprio grupo), acompanhou as gravações e mixou o trabalho no Estúdio Daufembach, sendo que as gravações de bateria foram feitas no Estúdio El Rocha. O resultado, em termos qualitativos, não poderia ser melhor: a gravação abrasiva e ríspida da banda de forma alguma está tornando as músicas emboladas, muito pelo contrário: os instrumentos estão bem audíveis e claros sob a massa sonora do quinteto. A arte, criada e feita por Will Ferreira, é algo de absurdamente linda, bem feita e perfeitamente coerente com as letras do grupo (que canta em português).

Project46
Em termos de composição, o PROJECT46 não é louvado por público e crítica à toa, já que o grupo mostra saber o que faz quando compõe, tendo uma noção ótima de como arranjar suas músicas de forma em que elas não deixem o ouvinte cansado, mesmo debaixo de tanta violência sonora. Vemos que existem mentes pensantes em termos musicais. 

As letras do grupo merecem destaque, já que em português, fica ainda mais claro o teor azedo e crítico. Não espere "sex, drinks and Metal" deles, pois aqui, a visão clara de nossa realidade de cada dia, dos guetos e favelas, da riqueza e opressão do governo, está muito bem retratada. E nem chegamos a falar das presenças especiais de Otávio Augusto (do PRAY FOR MERCY) e Leeo Mesquita (do SURRA) nos vocais em  "Foda-se (Se Depender de Nós)".

Do início ao fim, não há nada de negativo a ser dito sobre "Que Seja Feita a Nossa Vontade". É perfeito, uma pedrada sonora de doer os ouvidos não acostumados, mas sempre com alto nível e bom gosto.

O massacre começa com "Caos Renomado", uma faixa explosiva e transbordando agressividade em uma andamento mediano (embora técnico), onde a força dos vocais alternados e base rítmica ficam evidentes (especialmente pelo baixo evidente em vários momentos), seguida do hino "Foda-se (Se Depender de Nós)", rápida e instigante, com ótimo refrão e solos muito bons (a dupla de guitarras da banda é fenomenal nisso), fora um trabalho de bateria de muito alto nível. Riffs sinuosos, vocais urrados extremos e muita agressividade é o que "Erro +55" apresenta, novamente com um ritmo não tão veloz, mas com muita influência do Hardcore de Nova York, mais belas passagens soturnas, e "Desordem e Progresso" segue mais veloz e com muito mais agressividade, com solos ótimos. Riffs bem graves introduzem a opressiva "Carranca", onde os vocais e o contrabaixo se sobressaem bastante. Tanto "Na Vala" quanto "Empedrado" são golfadas de brutalidade, onde o andamento alternado entre momentos mais calmos (mesmo com vocais agressivos) e outros mais abrasivos, e chegam a ser um abuso de tão boas. Tão opressiva e abrasiva quanto é "Veneno", só um pouco mais veloz e com ótimo trabalho de guitarras, e "Em Nome de Quem?" é uma faixa bem diversificada em termos de ritmo (ponto para a bateria, mais uma vez fantástica). Fechando, "Vergonha na Cara", outra tijolada agressiva e bem rápida, onde o lado HC da banda fica mais evidente.

O PROJECT46 merece todo respeito que anda angariando pelo país, já que tanto sua música de excelente qualidade, aliada a sua determinação, tende a levá-los bem longe.

"A Revolução começa onde termina o conformismo" (PROJECT46).



Tracklist:

01. Caos Renomeado
02. Foda-se (Se Depender de Nós)
03. Erro +55
04. Desordem e Progresso
05. Carranca
06. Na Vala
07. Empedrado
08. Veneno
09. Em Nome de Quem?
10. Vergonha na Cara


Banda:

Caio MacBeserra - Vocais
Vinicius Castellari - Guitarras
Jean Patton - Guitarras
Rafael Yamada - Baixo
Henrique Pucci - Bateria


Contatos:

Left Hand: entrevista no programa de rádio Rock ao Máxximo




Hugo Castor, baterista da banda carioca de Thrash Metal LEFT HAND, concedeu entrevista ao programa Rock ao Máxximo. O músico falou sobre o início das atividades, influências musicais, como é o processo de composição, os desafios de fazer Heavy Metal no Brasil, lançamento do EP “Scientifical Plague” em 2013 com produção do Marcelo Pompeu (Mr. Som) e muito mais! Para escutar a entrevista completa e as músicas “Fire of Straw”, “Last Bitter Tear” e “Countdown for a Life”, acesse o link abaixo.


Links relacionados:



Fonte: Island Press

Impéria: entrevista no programa de culinária Metal Kitchen





Os irmãos Felippe e Flavius Deliberalli, respectivos guitarrista e baterista do IMPÉRIA, concederam entrevista ao programa de culinária Metal Kitchen. Em um descontraído bate-papo os músicos falaram sobre o início das atividades na adolescência, mudanças na formação, a decisão de compor músicas próprias, lançamento e repercussão do debut álbum “Em Dias Assim” (2011), conceito das letras e muito mais! Confira a entrevista completa abaixo.


Links relacionados:



Fonte: Island Press

Andragonia: estreia nova formação com videoclipe “By Your Side”




O ANDRAGONIA lançou o videoclipe “By Your Side”, segundo single que antecede o lançamento do novo álbum de estúdio. A música segue a tendência do grupo em adicionar sonoridades modernas e apresenta nova fase com o guitarrista Thiago Larenttes assumindo os vocais. O videoclipe foi produzido e dirigido por Plinio Scambora, da Pier 66 Films.


Links relacionados:



Fonte: Island Press

Confronto envia recado aos fãs do RJ para show com Cavalera Conspiracy e Krisiun



Cariocas prometem show devastador, executando diversos clássicos da carreira
O Rio de Janeiro vai tremer nesta quinta-feira, dia 11 de setembro! É justamente nesta data que a Cidade Maravilhosa recebe o ataque devastador de três grandes expoentes do metal nacional e internacional. CAVALERA CONSPIRACY, KRISIUN e CONFRONTO sobem ao palco do Circo Voador para um encontro histórico. A abertura está sob responsabilidade do TEST.

Felipe Chehuan, vocalista do CONFRONTO, fez questão de enviar seu recado aos fãs para prestigiarem o que deve ser considerado o melhor show de metal a ser realizado este ano, na capital fluminense. Confira:


Max Cavalera e Alex Camargo recentemente também enviaram mensagem ao público. Assista:



Os ingressos continuam à venda e custam R$ 80,00 (1° lote estudante/promocional). Mais informações no serviço abaixo.

Considerado um dos principais nomes do metal mundial, o CAVALERA CONSPIRACY, grupo formado pelos irmãos Max e Iggor Cavalera, fundadores do Sepultura, está de volta à América do Sul. Acompanhado por Marc Rizzo (guitarra) e Nate Newton (baixo), a dupla vem ao país para mais uma longa série de apresentações e promover o álbum "Blunt Force Trauma". Neste momento, eles estão trabalhando na pós-produção de “Pandemonium”, disco previsto para ser lançado no segundo semestre deste ano. Existe a possibilidade de algumas faixas novas figurarem no set list destes shows.

Já o KRISIUN é o ícone do heavy metal brasileiro no exterior da atualidade. Após a bem-sucedida e elogiada performance no Rock in Rio, Alex Camargo (vocal/baixo), Moyses Kolesne (guitarra) e Max Kolesne (bateria) vivem mais um novo grande momento na carreira e seguem promovendo "The Great Execution", considerado um dos melhores discos lançados em 2011 pelos meios de comunicação especializados. Formado em Ijuí (RS), o power trio já lançou nove álbuns de estúdio, contabiliza inúmeras turnês mundiais e conquistou diversos prêmios ao redor do mundo. Precursora do movimento brutal death metal, o KRISIUN tem provado por que é um dos grandes nomes da música pesada internacional.

Outra grande atração da noite é o CONFRONTO. Reconhecido como um dos nomes mais respeitados do cenário metal/hardcore sul-americano, Felipe Chehuan (vocal), Max Moraes (guitarra), Eduardo Moratori (baixo) e Felipe Ribeiro (bateria) estão na estrada divulgando “Imortal”, considerado um dos melhores discos lançados em 2013. Nesta nova turnê, o quarteto têm executado clássicos inigualáveis como “Abolição”, “Vale da Morte”, “Infanticídio”, “Meu Inferno”, “Santuário das Almas”, “Negação”, entre outros. Ao longo de diversas turnês pela América do Sul e Europa, o CONFRONTO se destacou mundialmente por sua personalidade e atitude explícita. Somando mais de 200 apresentações, a banda rompeu barreiras, cresceu, ganhou respeito e conquistou uma legião de seguidores.

A abertura está sob responsabilidade do TEST, grupo formado por duas das mais impressionantes personalidades do underground nacional: João Kombi (Guitarra/vocal, ex-Are You God?) e Thiago Barata (bateria – D.E.R.). A dupla barulhenta deixou as portas das casas de shows e começa a conquistar espaço nos palcos. Após abrir para o Krisiun e Mayhem, e entreter os fãs de Slayer, Anthrax, Testament e D.R.I., a nova oportunidade é tocar ao lado de um dos nomes mais importantes da música extrema mundial. Formado em 2010, os músicos estacionavam uma perua Kombi bem em frente às casas de show e chamaram a atenção com sua maneira inusitada, bem humorada e inteligente para difundir seu trabalho.

Links relacionados:


Serviço RJ
Agência Sob Controle reapresenta Cavalera Conspiracy, Krisiun, Confronto e Test



Data: 11 de setembro de 2014
Local: Circo Voador
End: Rua dos Arcos s/n, Lapa – (21) 2533.0354 
Hora: 19h
Ingressos
Pista: R$ 80,00 (1º estudantes/promo) | R$ 90,00 (2° lote estudantes/promo)

Pontos de vendas:
BILHETERIA CIRCO VOADOR: Rua dos Arcos s/n° – Lapa
terça à quinta: de 12h às 19h | sexta: de 12h às 24h (exceto feriados)
Sábado – de 14h às 24h
Observação: Pagamento somente em dinheiro
BOTAFOGO - Quiosque Americanas.com Rio Sul: Rua Lauro Müller, 116 – 4º Piso
Observação: Pagamento somente com cartão de crédito
LAGOA - Posto BR Piraquê: Avenida Borges de Medeiros, s/nº
BARRA DA TIJUCA - Posto BR Mirili: Avenida das Américas, 3757
VENDAS ONLINE: http://www.ingresso.com 

Classificação 18 anos (de 12 a 17 somente acompanhados pelos pais)


Próximas divulgações THE ULTIMATE MUSIC – PR:
11/09 – Cavalera Conspiracy + Krisiun + Confronto – Circo Voador – RJ/RJ
13/09 – Peter Murphy e Wayne Hussey – Carioca Club – SP/SP
27/09 – Dave Evans (1º vocalista do AC/DC) – Gillan’s Inn Rock Bar – SP/SP
27/09 – Angra – Plaza Hall – Sorocaba/SP
28/09 – Gloria + Strike – Plaza Hall – Sorocaba/SP
04/10 – Exodus – Carioca Club – SP/SP
12/10 – Toxic Holocaust – Clash Club – SP/SP
08/11 – Behemoth – Carioca Club – SP/SP
20/11 – Kansas – Vivo Rio – RJ/RJ
21/11 – Kansas – HSBC Brasil – SP/SP
02/11 – Rosa de Saron – Clube Ítalo Brasileiro – Limeira/SP
07/12 – O Teatro Mágico – Clube Ítalo Brasileiro – Limeira/SP
13/12 – O Teatro Mágico – Plaza Hall – Sorocaba/SP
14/12 – Rosa de Saron – Plaza Hall – Sorocaba/SP
Mais infos sobre os shows acima, acesse https://www.facebook.com/UltimateMusicPR.


A/C Costábile Salzano Jr
11 4241.7227 | 11 9 6419.7206

Wayne Hussey lança versão acústica de “Severina” e conquista rádios do Brasil e Europa



Músico se apresenta, neste sábado, no Carioca Club, em São Paulo – foto: Eric Garcia

Durante press tour por São Paulo, Wayne Hussey passou pelos estúdios da KISS FM para uma entrevista super descontraída e foi surpreendido ao ouvir pela primeira vez, a versão acústica da clássica “Severina” que havia gravado há poucos dias. Até então, o artista havia pensado que o processo de mixagem e masterização não seria tão rápido. 

O sucesso desta estréia foi tão grande que agora a clássica composição já figura na programação das principais rádios do Brasil e Europa, e confirma a hipótese de que o artista realmente estava gravando EP acústico dos grandes sucessos do The Mission, ao lado do produtor brasileiro André Kostta, responsável por grandes discos do rock nacional como Capital Incial, Kiko Zambianchi, Aliados, Leoni, Luxúria, O Surto, Fake Number e Replace, da BLAST STAGE RECORDS/SONY MUSIC.

Ouça a seguir o a versão acústica de “Severina” e outros clássicos em https://soundcloud.com/blastrecords/the-mission-severina-2014.

Os fãs interessado em conferir Wayne Hussey tocando este set intimista devem correr. O frontman se apresenta, neste sábado (13/09), dividindindo do Carioca Club com Peter Murphy (ex-Bauhaus), outro grande monstro do movimento gótico britânico e um dos pilares do rock alternativo.

Os ingressos continuam à venda, custam de R$ 120,00 (pista meia entrada e/ou antecipada com desconto) à R$ 155,00 (camarote meia entrada e/ou antecipado com desconto), e estão disponíveis em vários pontos de São Paulo, Santo André e São Bernardo, além dos sites www.ticketbrasil.com.br (em até 12 vezes no cartão) e www.clubedoingresso.com (em até 6 vezes no cartão). Mais informações no serviço abaixo.

O primeiro encontro entre Peter Murphy e Wayne Hussey na capital paulista ocorreu de forma espontânea, ano passado, no mesmo Carioca Club. Os dois monumentos do rock inglês dos anos 80, fizeram um dueto as músicas “Telegram Sam”, do T-Rex, e “Ziggy Stardust”, do Bowie. Confira em https://www.youtube.com/watch?v=Wc2cA9NftHw

Links relacionados:


Serviço São Paulo
PETER MURPHY & WAYNE HUSSEY


Peter Murphy – Lion South American Tour 2014 – Celebrando o lançamento do seu 10º álbum solo
Wayne Hussey – Acústico tocando os clássicos do The Mission

Data: 13/09/2014 – sábado
Local: Carioca Club
Endereço: Rua Cardeal Arcoverde 2899 – próximo ao Metrô Faria Lima
Abertura da casa: 17h30 (Dj Tonny Moreira)
Inicio show Wayne Hussey: 18h30
Inicio do show Peter Murphy: 19h30
Classificação etária: A partir de 16 anos

Ingressos online
www.ticketbrasil.com.br (em até 12 vezes no cartão)
www.clubedoingresso.com (em até 6 vezes no cartão)

Ingressos:
1º e 2º lote = ESGOTADO

3º Lote
Pista meia entrada = R$ 120,00
Pista antecipado c/ desconto = R$ 120,00
Pista inteira = R$ 240,00
Camarote meia entrada = R$ 155,00
Camarote antecipado c/ desconto = R$ 155,00
Camarote inteira = R$ 310,00

Pontos de venda em São Paulo:

Bilheterias do Carioca Club (SEM TAXA DE CONVENIÊNCIA)
Rua Cardeal Arcoverde, 2899
Horário: Segunda à sábado das 9hrs às 20hrs.
Pinheiros, São Paulo – SP Tel: 3813-8598
Formas de pagamento: Somente dinheiro.

Hole – Galeria do Rock*
Av. São João, 439 – 1º andar loja 275
Horário: Segunda à sábado das 10h às 19h.
Formas de pagamento: Dinheiro, Débito e Crédito à vista nos cartões Visa, MasterCard, American,Express, Diners Club International, Elo.

CadaQual*
Rua Augusta, 2171 – Jardim Paulista
Horário: Segunda à sábado das 11h às 20h.
Formas de pagamento: Dinheiro, Débito e Crédito à vista nos cartões Visa, MasterCard, American
Express, Diners Club International, Elo.

Metal Music – Santo André*
Rua Dona Elisa Fláquer, 184 – Centro
Horário: Segunda à sexta das 10h às 18h30, sábado das 10h às 17h30.
Formas de pagamento: Dinheiro, Débito e Crédito à vista nos cartões Visa, MasterCard, American

Age Of Dreams – São Bernardo*
Av. Marechal Deodoro, 1754 – 2º Andar loja 33/36 – Centro
Horário: Segunda à sábado das 9h às 19h.
Formas de pagamento: Somente dinheiro

Twister Games – Itaquera*
Av. José Pinheiro Borges s/n – Shopping Metrô Itaquera
Horário: Segunda à sabado das 10h às 22h, domingo das 14h às 20h.
Formas de pagamento: Dinheiro, Débito e Crédito à vista nos cartões Visa, MasterCard, American, Diners Club e Elo

Shopping Oriente 500*
Rua Oriente, 500 2º andar – Brás – São Paulo – SP
Horário: Segunda à sexta das 9h às 17h, sábados das 9h às 13h30.
Formas de pagamento: Dinheiro, Débito e Crédito à vista nos cartões Visa, MasterCard, American, Express, Diners Club International, Elo.

*Ponto de venda sujeito a taxa de conveniência

Capacidade: 1.500 pessoas
Acesso para portadores de necessidades especiais
Ar condicionado
Estacionamentos na região: de R$ 20,00 a R$ 30,00 o período
Chapelaria no local: R$ 5,00

Informações:
Ticket Brasil: 11 4901.1165 | E-mail: contato@ticketbrasil.com.br
Carioca Club: 11 3813.4524 | E-mail: reservas@cariocaclub.com.br


Próximas divulgações THE ULTIMATE MUSIC – PR:
11/09 – Cavalera Conspiracy + Krisiun + Confronto – Circo Voador – RJ/RJ
13/09 – Peter Murphy e Wayne Hussey – Carioca Club – SP/SP
27/09 – Dave Evans (1º vocalista do AC/DC) – Gillan’s Inn Rock Bar – SP/SP
27/09 – Angra – Plaza Hall – Sorocaba/SP
28/09 – Gloria + Strike – Plaza Hall – Sorocaba/SP
04/10 – Exodus – Carioca Club – SP/SP
12/10 – Toxic Holocaust – Clash Club – SP/SP
08/11 – Behemoth – Carioca Club – SP/SP
20/11 – Kansas – Vivo Rio – RJ/RJ
21/11 – Kansas – HSBC Brasil – SP/SP
02/11 – Rosa de Saron – Clube Ítalo Brasileiro – Limeira/SP
07/12 – O Teatro Mágico – Clube Ítalo Brasileiro – Limeira/SP
13/12 – O Teatro Mágico – Plaza Hall – Sorocaba/SP
14/12 – Rosa de Saron – Plaza Hall – Sorocaba/SP
Mais infos sobre os shows acima, acesse https://www.facebook.com/UltimateMusicPR.



A/C Costábile Salzano Jr
The Ultimate Music – PR
11 4241.7227 | 11 9 6419.7206

Brutal Truth, pela primeira vez no Brasil, dia 03 de outubro no Clash Club



Exciter e Ratos de Porão fazem os shows de abertura

O BRUTAL TRUTH, uma das maiores referências da música extrema mundial, se apresenta pela primeira vez no Brasil, dia 03 de outubro, no Clash Club. O show histórico faz parte da turnê de despedida do grupo formado em Nova Iorque, em 1990, pelo baixista Dan Lilker (ex-Anthrax, Nuclear Assault e SOD). O Brutal Truth vai brindar os fãs com um longo set list fazendo um apanhado geral de toda a carreira. Além de Lilker, completam a formação: Kevin Sharp (vocal), Dan O'Hare (guitarra) e Richard Hoak (bateria).

Quem acompanha os novaiorquinos em sua derradeira turnê é outra lenda do heavy metal, a banda canadense EXCITER, que voltou recentemente com sua formação original: Dan Beehler (bateria e vocal), John Ricci (guitarra) e Allan James Johnson (baixo). O power trio vai tocar hinos como “Heavy Metal Maniac”, “Violence & Force” e “Long Live the Loud”.

Abrindo a noite, ninguém menos que a maior banda punk do Brasil, o RATOS DE PORÃO. Além de apresentar várias músicas do novo disco, "Século Sinistro", João Gordo (vocal), Jão (guitarra), Boka (bateria) e Juninho (baixo) vão disparar seu bombardeio sonoro à base de clássicos absolutos como "Crucificados Pelo Sistema", "Beber Até Morrer" e "Aids, Pop, Repressão".

Serviço
Show: Brutal Truth
Abertura: Exciter e Ratos de Porão


Local: Clash Club - Rua Barra Funda, 969 - Barra Funda - São Paulo/SP
Data: 03 de outubro (sexta)
Horário: 19h
Ingressos:
- Pista
1º lote R$80,00 
2º lote R$90,00 
3º lote R$100,00
Porta R$12,00 / R$60  (estudante/meia entrada)
Pontos de venda: 
Galeria Ouro Velho - Atrox Casual Club - Rua Augusta, 1371 - Sobreloja 18 - São Paulo/SP
Galeria do Rock - Mechanix - Rua 24 de Maio, 62 - 1º andar - Loja 252 - São Paulo/SP
* Meia-entrada apenas na loja Mechanix
Venda online: www.ticketbrasil.com.br
Capacidade: 500 pessoas
Censura: 16 anos
Informações: http://www.clashclub.com.br / Tel: (11) 3661-1500
Estacionamento: R$20



Resenha: Skul Fist - Chasing the Dream (CD)

Nota 8,5/10,0

Por Marcos "Big Daddy" Garcia


Certo, já compreendi que estamos em meio a um renascer do metal oitentista. E sim, é um movimento válido, pois como o Pai Marcão aqui já comentou muitas vezes, é preciso que muitas sonoridades ótimas da época não sejam perdidas. O novo e o velho podem (e DEVEM) coexistir em paz, sem competitividades toscas alimentadas pelo gosto pessoal de fulano ou beltrano. E Metal também não é catequese, logo, quem define se algo é bom ou ruim para você é seu ouvido, não monges True Metal ou seja lá a que segmentos tais pseudo doutrinadores estejam ligados. E dando um belo "dane-se" para muitos, lá vem novamente o excelente quarteto canadense SKULL FIST, chegando com tudo e disposto a conquistar mais e mais espaço com "Chasing the Dream", seu novo CD.

Esses quatro arqueólogos do Metal desenterraram um estilo de Speed/Heavy Metal muito melodioso e forte, ganchudo (é impossível ficar parado quando começa a tocar), pesado e forte, com tudo em seus devidos lugares, com ótimos refrões de fácil assimilação. E não, o trabalho deles não tem cheiro de mofo em momento algum, pois o grupo não está copiando quem quer que seja, por mais que influências da NWOBHM e do Metal germânico 80 estejam presentes. Há um algo mais, um diferencial de quem coloca sua personalidade, seu coração e sua alma em um trabalho. Ótimos vocais agudos, uma dupla de guitarras afiada em bases chapantes e melodiosas, solos inspirados, e uma cozinha rítmica pesada e sem complicar muito, mas também sem ser extremamente simplista. Só que cada um desses aspectos se funde em uma música que se destaca pelo todo, cheia de energia, ora mais rápidos, ora mais cadenciados, mas sempre de bom gosto. Podemos dizer, inclusive, que a banda ganhou mais peso em relação ao ótimo "Head öf the Pack", de 2011. E isso em um disco onde a banda teve problemas (falta de grana para a gravação, o vocalista/guitarrista Zach quebrando um osso do pescoço andando de skate).

A produção sonora ficou justa, pesada e bem limpa, soando como um todo, sem evidenciar nenhum instrumento e sem, ao mesmo tempo, deixar alguma coisa escondida. Um trabalho muito bom mesmo de Eric Ratz (mixagem) e Harry Hess (masterização). A arte de Philip Bernard é bem legal, simples, resgatando alguma coisa das capas dos anos 80, mas ao mesmo tempo, tem lá suas nuances modernas.

Skull Fist
O importante do trabalho do SKULL FIST é compreender que sua proposta musical realmente não chega a ser inovadora. Longe disso, o estilo existe há anos, mas o resgate em si é importante, pois mesmo debaixo de arranjos bem feitos e músicas intensas, pulsa um coração jovem em sua música. Não existe mofo ou poeira aqui. É música de qualidade, sim senhor, para desespero de muitos, e alegria de muitos mais.

Melhores momentos: a pesada e forte "Hour to Live" (de cara, é uma pedrada bem rápida e melodiosa, com ótimos vocais, belo refrão e riffs de guitarra bem fortes e sinuosos), a não tão veloz e mais focada em peso e melodia "Bad for Good" (com cozinha perfeita, belos solos e arranjos vocais muito bons), a mais melodiosa e ganchuda "Call of the Wild" (é uma faixa mais acessível, mas sem deixar de ter sua dose de peso), "Sign of the Warrior" (outra faixa mais rápida, mostrando a força e diversidade de baixo e bateria), a contagiante "You're Gonna Pay" (faixa do vídeo, com bases muito boas), e a melodiosa e veloz "Don't Stop the Fight" (essa chega a esbarrar no Power Metal).

Sim, é um disco muito bom, a banda pode melhorar um pouco nas letras (os temas ainda são um pouco ingênuos), e tende a evoluir. Mas verdade seja dita: como é bom ouvir uma banda com uma música que realmente nos deixa bem dispostos e nos alivia das preocupações diárias. E nada de Old, New, NWOTHM, nada disso. É tudo Metal, PONTO FINAL!

E uma ótima pedida, já que esses quatro maníacos estão vindo ao Brasil para uma série de shows, graças à Cronos Produções!




Tracklist:

01. Hour to Live
02. Bad for Good
03. Chasing the Dream
04. Call of the Wild
05. Sign of the Warrior
06. You're Gonna Pay
07. Don't Stop The Fight
08. Shred's Not Dead
09. Mean Street Rider


Banda:

Zach Slaughter - Vocais, guitarras
Jonny Nesta - Baixo, guitarras
Casey Slade - Baixo
Chris Stephenson - Bateria (músico convidado)


Contatos:

Cris DeLyra: convite VIP gratuito para gravação de DVD na Miranda Brasil – Rio de Janeiro




CRIS DELYRA, gravará 9 músicas de seu álbum “Debut” e 4 releituras do Rock nacional para o primeiro DVD oficial. As versões nacionais, estarão em versões como ele mesmo chama de “anabolizadas” ao vivo.  

No dia 15 de setembro de 2014, será registrado na renomada casa de shows Miranda, localizada na Lagoa, Rio de Janeiro – RJ. Depois de quase um ano parado, a banda volta com uma nova formação e agora conta com Bruno Coelho na bateria e Yves Aworet no baixo e voz. Este DVD, mostra na íntegra como sua música soa atualmente com os novos integrantes, mostrando como estão incrivelmente executando as composições.

Para participar e adquirir o ingresso VIP, curta as fanpages de CRIS DELYRA e Black Legion Prod e informe os dados abaixo:

- Nome completo;
– RG ou CPF;
– Idade;
– Cidade.

Eventos no Facebook:




No DVD haverá além da performance das músicas, imagens do processo de produção do mesmo, curiosidades e extras. Os vídeos também serão lançados individualmente no canal da banda no Youtube.

CRIS DELYRA comenta: “Será mais um grande passo em minha carreira artística, espero poder levar nosso som para pessoas de outros países e estados distantes. Uma honra ter esta oportunidade! Viva o metal nacional!”

Assista o clipe lançado recentemente para “Máquina do Tempo”:




O primeiro clipe oficial “Fotocópia”:



Formação atual:

Cris DeLyra – Guitarra e voz
Yves Aworet – Baixo e vocal
Bruno Coelho – Bateria

No momento a banda está montando a sua agenda de shows para 2014/2015, interessados podem entrar em contato através da Black Legion Productions (contato@blacklegionprod.com) ou nos links relacionados.

Assessoria de Imprensa / Shows
024999741934 (Vivo/Whats)