6 de mai de 2013

In Soulitary - He Who Walks (EP)


Independente - Nacional
Nota 8

Por Marcos Garcia

É, ainda existem discos que fazem o queixo de muitos cair de pura surpresa, inclusive deste autor. E este EP digital do IN SOULITARY, 'He Who Walks', é realmente surpreendente!

A música da banda é técnica, pesada, muito compacta, mas cheia de energia e vida, esbanjando personalidade, fazendo uma fusão da vários estilos do Metal, ou seja, oscilam do Death Metal, passando pelo Metal Tradicional e chegando a ter toques de Power, Prog, e mesmo algumas coisinhas de Hard Rock.

Vocais que variam do urrado, passando por momentos rasgados e outros normais sem problemas, guitarras fortes em riffs muito intrincados e ganchudos, baixo e bateria que sabem gerar peso e brutalidade, mas que não estão isentos de técnica apurada, mas sem deixar buracos na base. Resultado: SONZEIRA DOS DIABOS, com certeza!

O EP, infelizmente, só tem duas músicas, pois ao ouvir a energética e trabalhada 'Behind the Rows', com um excelente andamento, variações vocais ótimas, e excelente trabalho de guitarras, especialmente pelos solos bem feitos; e 'Hollow', uma faixa mais rápida e que também gruda no ouvinte, com um ótimo trabalho da cozinha rítmica.

Se no EP já fizeram bonito, que venha logo o CD 'Confinement', que trará participações especiais de Mario Pastore (PASTORE, que já participa no EP), Dimitri Brandi (PSYCHOTIC EYES), Rafael Pacheco (LEGIONS OF DEATH), Elaine Weiss (DIO TRIBUTE), Denis Di Lallo (DI LALLO, ANDRALLS), Veronica Rodriguez (KARKAOS), Luigi Regolini (DARKENER, REBEL 30), e Michael "Dad" Liles (THE STAND).

Pode ser que estejamos testemunhando o surgimento de um nome fortíssimo em termos de Brasil, e que podem conferir o CD aqui.


Tracklist:

01. Behind the Rows
02. Hollow


Formação:

Marcel Briani - Vocais
Danny Schneider - Guitarras
Thiago Messias - Guitarras
Elder Oliveira - Baixo
André Bortolai - Teclados
Matthew Liles - Bateria



Contatos:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Insoulitary
http://www.myspace.com/insoulitary
http://www.reverbnation.com/soulitary
http://www.facebook.com/in.soulitary.confinement

Metal papo-cabeça para mentes pensantes – Entrevista com DYNAHEAD



Há bandas que realmente buscam inovar, usando de fórmulas ainda não pensadas e criando trabalhos diferenciados, como o quinteto DYNAHEAD, de Brasília, que foge dos modelos pré-existentes e usa de criatividade e miscigenação sonora para executar um trabalho musical imprevisível, como visto em ‘Chordata I’, seu mais recente trabalho.

Aproveitando o lançamento, e abusando da boa vontade de Eduardo Macedo da MS Metal Press, lá fomos nós bater um papo com eles.



Metal Samsara: Bem, agradecemos pelo tempo que nos concedem para esta entrevista, e começamos perguntando sobre o CD novo, ‘Chordata I’. Como surgiu o conceito que é abordado no CD, e poderia nos falar um pouco dele, no que se baseia?

Caio Duarte: Olá pessoal, muito obrigado pelo interesse! O conceito deste e do álbum anterior, 'Youniverse', foram muito influenciados pelos meus estudos em ciência. O 'Youniverse' é baseado em astronomia, e o 'Chordata' é inspirado na evolução biológica, darwiniana. Ele é um disco conceitual que acompanha a vida desde sua origem até os dias de hoje.


Metal Samsara: Ainda falando de ‘Chordata I’, como ele terá uma sequência, ou seja, um ‘Chordata II’, já existe alguma previsão de quando ele sai, e já possuem material pronto para isso? 

Caio Duarte: Sim, o disco já está prontinho, apenas esperando para ver a luz do dia. Ele será lançado em 2014, quando as pessoas já tiverem tido um bom tempo para curtir a parte I.


Metal Samsara: Bem, vocês sabem que ainda existem focos de resistência a inovações no meio Metal, então, não acham um pouco arriscado serem tão ousados? Ou seja, não temem acabar ficando restritos a uma parcela pequena de fãs?

Caio Duarte: É arriscado sim, mas como não somos uma banda de pretensões comercialóides não é algo que nos assusta. Inclusive faz parte da nossa proposta questionar essas 'cláusulas pétreas' musicais impostas pela doutrinação comercial da imprensa e das gravadoras. A música precisa de ousadia para se manter viva.


Metal Samsara: Sendo um chato, reparamos que Deth Santos não pode gravar o CD devido a problemas pessoais, mas isso sempre leva àquela velha pergunta: ele saiu da banda, ou algo nesse sentido?

Caio Duarte: Sim, ele está fora. Fizemos tudo o que pudemos para ter ele como parte da banda na gravação do disco, que seria algo bem legal para a carreira dele, mas infelizmente vimos que não seria possível. Evitamos fazer alarde, mas somos apenas nós quatro agora... Até encontrarmos o cara certo.


Metal Samsara: Olhando a discografia da banda, de ‘Unknown’ de 2004 até chegarmos em ‘Chordata I’, qual seria sua visão sobre cada um deles? Há alguma evolução que possa dizer, em termos de banda e mesmo de produção/investimento?

Caio Duarte: A evolução da banda é bastante evidente, já que ao longo desses anos (são quase dez!) crescemos muito enquanto músicos e pessoas. Quanto ao investimento, sempre fomos uma banda "DIY": Cuidamos totalmente da nossa própria produção. Assim, a qualidade foi melhorando enquanto eu mesmo desenvolvia minhas habilidades como produtor, e não devido a investimentos financeiros crescentes. Seria muito legal ter bastante dinheiro, mas como a necessidade é a mãe da criatividade, é bom se ver confrontado com esse desafio... E conseguir registrar um disco muito bom gastando pouco ou quase nada.


Metal Samsara: Vocês são do Distrito Federal, que tem uma boa cena no tocante a Heavy Metal. Conte-nos um pouco sobre ela, e qual a experiência do DYNAHEAD dentro deste contexto?

Caio Duarte: A cena brasiliense é extremamente prolífica. Como é uma cidade funcional, as pessoas não costumam ter muito o que fazer nas horas vagas - então elas se trancam em casa e aprendem a tocar. Isso criou força na década de 80, com as "bandas de Brasília" que estouraram no mainstream (embora aqui já fosse um celeiro forte para a MPB e o underground em geral), e isso ainda continua, mas de uma forma menos reconhecida pela mídia. Como o público brasileiro de Metal aprendeu a consumir só o que 'sai na revista', a cena brasileira se focou totalmente no Sudeste... Mas aqui continua dando origem aos melhores músicos do país, além de bandas  que, infelizmente, conseguem muito mais atenção lá fora do que no Brasil.


Metal Samsara: Ainda falando a geografia, não acreditam ser necessário ter maior alcance e impacto no eixo RJ-SP-MG, para que a banda alce voos mais altos? Existem planos, até mesmo algo de concreto, para shows nesses estados?

Caio Duarte: Com a internet não é mais 'necessário', mas seria muito legal fazer mais shows no Sudeste. Infelizmente a cena está dormente no país todo, e mesmo para bandas consagradas está difícil tocar sem ter prejuízo financeiro. Temos muitos fãs nessa região, mas mesmo assim é difícil disputar com as 'panelinhas'... Assim, acaba ficando bem difícil tocar para o público do Sudeste, que também tem o obstáculo da manipulação midiática, que evita permiti-lo conhecer o patrimônio que o resto do país tem a oferecer.


Metal Samsara: Em termos de expressão fora do Brasil, o DYNAHEAD já teve algum feedback do eixo EUA-Europa-Japão em relação aos discos anteriores? E já podem comentar como tem sido a recepção de ‘Chordata I’ dentro e fora do Brasil?

Caio Duarte: O 'Chordata I' ainda é bastante recente, mas de forma geral o feedback por parte do público, que ouviu o disco quando ele 'vazou' alguns meses atrás, está sendo fantástico. Algumas partes do mundo tem preconceito por ser uma banda brasileira, outras por conta do estilo musical (o Brasil não é o único país modista no mundo), mas de forma geral o público estrangeiro tende a ser extremamente receptivo conosco... Em alguns aspectos bem mais do que o Brasil.


Metal Samsara: Agradecemos demais por sua atenção e paciência, e pedimos que deixem sua mensagem para os leitores e fãs da banda. 

Caio Duarte: Muito obrigado pela entrevista e pelo apoio! No nosso site oficial - www.dynahead.com.br - você encontra muitos vídeos, canais no Facebook, YouTube e Twitter, além da loja onde você pode comprar ou baixar gratuitamente o nosso material. Não deixe de curtir o patrimônio musical nacional sem preconceitos, e apoiar os artistas que desafiam o establishment. Nos vemos em breve!  


METAL MEDIA (06/05/2013): Panzer, Woslom, Unearthly



========

Panzer: Banda da início às gravações do novo álbum!

Imagem:  (Carla Santos)
Electronic Press Kit: http://www.metalmedia.com.br/panzer/

Desde o anúncio de seu retorno no ano passo, os fãs aguardam ansiosamente por um novo álbum do PANZER, espera que foi amenizada pelos lançamentos do single “Rising” e do EP “Brazilian Threat”.

Agora o PANZER prova que seu retorno veio pra valer! Doze anos após o lançamento do álbum “The Strongest” a banda entra em estúdio para as gravações do novo álbum, ainda sem título.

Foto: Carla Santos

O baterista Edson Graseffi fez um pequeno “Studio Report” sobre as gravações da bateria, confira:

"Sexta-feira: primeira seção de gravação

E lá vou eu, 12 anos depois, gravar o próximo disco do Panzer, isso tudo tem realmente um significado muito especial para mim!!! Sendo assim , cheguei as 11:00 da manhã como combinado para descarregar o kit de batera e começar os trabalhos. Duas horas depois, com todo equipamento já montado, e devidamente microfonado pelo eficiente produtor Henrique Baboom e pelo proprietário do estúdio, Willian, levantamos cuidadosamente o som da batera, que por sinal ficou muito pesado, animal!!

Com tudo pronto e com o metrônomo berrando na orelha, gravei durante toda  a tarde 8 músicas. Como o clima estava bom e a coisa fluindo rápido, nem paramos para almoçar e fomos até onde deu, finalizando 8 músicas, tendo 2 ou 3 sido “matadas” na primeira gravação… Um resultado surpreendente para um dia apenas de gravação.

Vale a pena citar que o equipamento usado nessa gravação, contou com muitos itens “vintage”, como clássicos microfones antigos , além do próprio kit de batera e alguns pratos que tem mais de 30 anos e “falam” muito, todos provenientes da década de 80.

Assim, na sexta , com o trabalho  terminado e louco de fome, voltei pra casa pensando no dia seguinte, onde acabaríamos essa fase da gravação.

Sábado: Horário combinado: 14:00, horário que conseguimos chegar no estúdio: 16:00.

Graças à Formula Indy e a grande confusão no trânsito gerada por isso, devido a muitas ruas da Zona Norte estarem fechadas, todos nós, sem exceção, nos atrasamos.

Chegando  ao estúdio, demos aquela passada rápida no som da bateria que estava toda pronta do dia anterior, uma verificada na afinação e recomeçamos. Matei rapidamente as outras músicas que faltavam, as mais difíceis de executar que deixei propositalmente para o dia seguinte. Nessa tarde ainda tivemos a visita bacana do grande baterista Marcelo Lawdwig  (King Bird) que veio conferir os últimos takes de gravação.

Com  tudo finalizado, takes prontos, tudo conferido… começou o velho e “bom” trabalho de desmontagem e carregar tudo até o carro. Assim, mais de uma década depois, estava ali realizando uma das coisas que me da mais prazer: gravar e produzir com o Panzer!!!"

Em breve mais informações sobre o novo álbum.

Para baixar o material da banda, acesse: www.panzermetal.com.br

Confira o videoclipe oficial de ‘Rising’ aqui: 


Ouça uma música:



Contato para shows e merchandise: info@panzermetal.com.br

Sites Relacionados:


===

Woslom: Assista teaser do novo videoclipe


Perto do lançamento do novo álbum, o WOSLOM liberou um teaser com imagens do novo videoclipe. Assista:



A música escolhida para o clipe foi ‘Evolustruction’, que também dá nome ao álbum. O lançamento do clipe será no Programa Stay Heavy, dias 12, 14 e 15 de maio (www.stayheavy.com.br) e dia 16 no Youtube (www.youtube.com/woslomband)

O vídeo clip foi conduzido em parceria com Agência Santo Forte Digital (www.santofortedigital.com.br) com direção de Will Mazzola e produção artística de Alessandra Lepiane.

“Evolustruction” foi gravado em São Caetano do Sul/SP no Studio Acustica com a produção da própria banda juntamente com o engenheiro de som Danilo Pozzani A capa ficou a cargo do artista João Duarte.

Recentemente o WOSLOM anunciou que o álbum contará com um cover para a banda MAD DRAGZTER, um dos principais nomes do Thrash Metal brasileiro.

Contato para shows e merchandise: woslom@woslom.com

Sites Relacionados:


===

Unearthly: Disponibilizadas duas músicas de vindouro trabalho


O UNEARTHLY acaba de ter disponibilizadas duas músicas que farão parte de seu CD e DVD ao vivo: ‘Baptizing The East In Blood’.



Tratam-se das músicas ‘Revelations Of Holy Lies’ e ‘Insurgency’. Ambas foram gravadas em Voronej, Rússia. Mixadas por Fernando Campos e Luiz Freytag no Estúdio AM (Rio de Janeiro) e masterizadas por Jaro no Estúdio AD (Eslováquia).





Como noticiado, tanto o DVD quanto o CD foram gravados ao vivo na Rússia, durante a turnê europeia do grupo ano passado. O lançamento do CD será feito pelo selo carioca Blizzard Records. Já o DVD sairá pela renomada Shinigami Records.

Um vídeo da a música ‘Baptized in Blood’ também foi retirado do DVD. Confira:


Contato para shows e merchandise: shows@theunearthly.com

Sites Relacionados:


========


M-19: Thrashers gaúchos divulgam capa do debut e lançam Sngle


========



A banda de Thrash Metal gaúcha M-19 acaba de disponibilizar o single da música “I Kill for God” e a capa do debut “Mission: Destroy”, que está em fase final de mixagem e será lançado em breve. A produção, a cargo do renomado Sebastian Amorim do Estúdio Hurricane de Porto Alegre/RS, destacou a agressividade e o peso contido no som do quarteto, hoje formado por Will F. (baixo/vocal), JR. Vives e Iuri Dall Olmo (guitarras) e C. Armani Wagner (bateria).


A história da M-19 remonta a 1989, formando com a intenção de fazer um Thrash Metal intenso e agressivo, com influências de bandas como Destruction, Kreator e Slayer. A primeira demo tape foi gravada em 1989, chamada “Manifest of Insanity”, que teve ótima aceitação pelo público. Em 1992, participaram da antológica coletânea “Thrash, Heavy and Loud”, com a música “Roots of Wrath”. A segunda demo tape foi gravada em 1994, intitulada “When a Promises Is Broken”, que obteve excelente repercussão, proporcionando a participação na coletânea “Garimpo”, produzida pela gravadora Paradoxx, com a faixa “Crying Out”, no ano de 1996.

Em 2000, a M-19 resolve interromper suas atividades, por tempo indeterminado. Após um hiato de 11 anos, a banda retorna aos ensaios no início de 2011. Após a composição de novas músicas é iniciada a gravação de seu debut, que conterá 11 músicas, dentre as quais se destacam “Southern Brave”, “I Kill for God” e “171”. 

Ouça “I Kill for God” em: 



No próximo dia 11/05 a banda tocará na 43º edição do STORM FESTIVAL, realizado na cidade de São Leopoldo/RS, numa edição especial do evento, dedicada ao Thrash Metal e contando ainda com as bandas Sacrario, Premonition e Rhestus.





Contatos:

Assessoria e Shows: contato@wargodspress.com


========

Ensiferum envia recado aos fãs brasileiros



========


O ENSIFERUM, um dos grupos mais respeitados do atual cenário do Heavy Metal europeu, se apresenta, no próximo dia 1 de junho, no Carioca Club, em São Paulo. Com produção da produtora Dark Dimensions, a banda finlandesa desembarca pela primeira vez no Brasil.

Recentemente, Petri Lindroos (vocal/guitarra), Markus Toivonen (guitarra), Sami Hinkka (baixo), Janne Parviainen (bateria) e Emmi Silvennoinen (teclado) gravaram mensagem direcionada exclusivamente ao público brasileiro convidando-os a prestigiarem sua tão aguardada performance. Confira o recado: 



Os ingressos para a performance na capital paulista continuam à venda nas bilheterias do Carioca Club, na Galeria do Rock (lojas Hellion e Profecias) e pela internet (http://www.ingressosparashows.com.br). As entradas custam de R$ 70,00 à R$200,00. Mais informações no serviço abaixo.

A turnê do Ensiferum pela América do Sul consiste nas seguintes datas:
28/05 - Teatro el Dorado Ecci – Bogotá, Colombia
30/05 - Blondie Club – Santiago, Chile
31/05 - Teatro Vorterix – Buenos Aires, Argentina
01/06 - Carioca Club – São Paulo, Brasil
02/06 – Teatro Odisséia – Rio de Janeiro, Brasil

Confira o clipe da música “In My Sword I Trust”: 


Já o novo disco está disponível para audição em http://www.levykauppax.fi/artist/ensiferum/unsung_heroes/

Links relacionados:


Serviço São Paulo


Dark Dimensions orgulhosamente apresenta Ensiferum
Data: 01/06/2013
Local: Carioca Club
End: Rua Cardeal Arcoverde, 2899, Pinheiros
Horário: Portas – 17h30 / Ensiferum 19h30
Pontos de venda: Carioca Club e Galeria do Rock (Hellion, Profecias)
Venda Online: www.ingressosparashows.com.br
Pista: R$ 70,00 (estudante) | R$ 140,00 (inteira)
Camarote: R$ 100,00 (estudante) | R$ 200.00 (inteira)
Infos: (11) 3813.8598
Imprensa: (13) 9161.6267 – press@theultimatemusic.com
Classificação etária: 16 anos


Próximas divulgações THE ULTIMATE MUSIC - PR:
11/05 – UFO – Carioca Club – SP/SP
15/05 – Anthrax e Testament – HSBC Brasil – SP/SP
21/05 – Vinnie Moore – Teatro Municipal – Santos/SP
26/05 – Shadowside – Via Marquês – SP/SP
31/05 – André Matos – Fenix Club – Santos/SP
01/06 – Ensiferum – Carioca Club – SP/SP
14/06 – Blitzkrieg e Avenger – Fenix Club – Santos/SP
16/06 – Blitzkrieg e Avenger – Blackmore Rock Bar – S/SP
02/07 – CJ Ramone – TBA – Santos/SP
05/07 – CJ Ramone – Hangar 110 – SP/SP


=======

for Sepultura, Krisiun, Shadowside, Confronto, Kiara Rocks, Pleiades, Hugin Munin and international concerts
A/C Costábile Salzano Jr
13 9161.6267