6 de jul de 2012

Leviathan – Beyond the Gates of Imagination Part I (CD)



Bret Hard Records – Importado 
Nota 9,5
Por Marcos Garcia

A Alemanha sempre é visto como uma terra de fortes tradições em termos de Metal, e isso desde o distante início da década de 70, quando o país mostrou ao mundo grandes nomes, o que se repetiu na década de 80, se tornando quase uma nova Meeca para o Metal, fosse qual fosse a subdivisão que o leitor quisesse encontrar. De uns tempos para cá, a Alemanha ficou meio escondida, mas sem nunca parar a produção de boas bandas, e mais uma a se juntar ao time é o quinteto de Bonn, Leviathan, que chega com seu primeiro Full Lenght, Beyond the Gates of Imagination Part I, após seu EP de estreia de 2010, From the Desolate Inside.
A banda trilha os caminhos do Progressive Death Metal, e diferentemente de muitas bandas que tornam o som tão experimental que tende a se tornar incompreensível ou até mesmo enfadonho, a banda faz um trabalho um pouco mais seco, e justamente reside a grande virtude da banda, porque seu trabalho fica bem acessível aos não iniciados, logo, tende a alcançar um bom público. E que, por falar nisso, a banda merece.
A banda faz um som que mixa técnica, peso e brutalidade com melodias bem Tradicionais, ou seja, temos ótimos vocais que variam do rasgado ao gutural sem nenhuma dificuldade, grande trabalho de guitarras, que leva o ouvinte a crer que, se Dave Murray e Adrian Smith quisessem tocar Death Metal, soaria assim (mas isso não quer dizer que os rapazes copiem os dois, please!!!), uma dupla baixo-bateria que sabe fazer um trabalho digno de menção, porque ambos não só dão peso à banda, mas ao mesmo tempo, dão ótima variedade de andamentos, e isso sem falar nos teclados bem postados, aparecendo muito bem em algumas intervenções nos momentos certinhos.
A produção sonora é ótima, feita no Big Easy Studio, e nas carrapetas, nada mais, nada menos que o legendário Waldemar Sorychta (que produziu Therion, Moonspell, Grip Inc, Enemy of the Sun, entre tantos outros), logo, o resultado não poderia ser outro. 
O CD é daqueles que se ouve com um babador por perto, porque a banda é de deixar o ouvinte de queixo caído. 
Abrindo,  Beneath a Blackened Sky, repleta de grandes variações rítmicas, com os vocais e a cozinha fazendo um trabalho muito bom, sendo os riffs muito empolgantes, e encontraremos os mesmos elementos em Where Light and Death Unite, onde há a presença de um belo violão flamenco; Reaper’s Edict é mais intensa e climática, usando menos da velocidade, onde encontramos um belo trabalho dos teclados e guitarras bem melodiosas à lá Maiden; Servants of the Nonexistent, onde o começo é o de uma música folk tradicional, e se mostra uma música também mais amena e embalada por forte clima denso, com vocais normais bem encaixados aqui e ali, fora ótimos solos de guitarra; The Scourge We Wield já pega um pouquinho mais de velocidade, as com peso e lindas intervenções de vocais femininos, e novamente, as guitarras se destacam bastante e a música empolga; About Fangs and Feathers é uma música focada em grandes quebradas de ritmo e em momentos amenos, onde o baixo aparece bastante, bem como uma condução de primeira da bateria; e Sway of the Stars, uma faixa onde agressividade, técnica e melodias se mixam de maneira harmônica, com algumas levadas no 1X1 na bateria, onde o trabalho das guitarras está simplesmente fantástico.
Um ótimo nome, uma grata surpresa, e mais um que irá pintar na lista dos melhores discos do ano de muitos.

Beneath A Blackened Sky

Tracklist:

01. Prologue 
Act I – Conduct 
02. Beneath a Blackened Sky
03. Where Light and Death Unite
04. Reaper’s Edict
Act II – Essence 
05. Servants of the Nonexistent
06. The Scourge We Wield
Act III – Ambition 
07. About Fangs and Feathers
08. Sway of the Stars


Formação: 

Jonas Reisenauer – Guitarras e vocais
Tobias Dahs – Guitarras 
Tom Heinz – Baixo 
Tobias Parke – Bateria 
Fabian Gocht – Teclados 


Contatos:


Reverence – When Darkness Calls (CD)



Razar Ice Records – Importado
Nota 9
Por Marcos Garcia

Já vimos, por toda história do Metal, que muitas vezes, quando bandas juntam membros já conhecidos, nem sempre a coisa dá certo, pois as expectativas de vermos ou algo na linha das bandas anteriores de seus membros, ou algo grandioso demais nos iludem, e tiram do grupo o direito ao erro. E isso é ruim, muito ruim.
Mas há um segundo grupo, onde super-bandas dão certo e mostram trabalhos dignos de nota, como é o caso do Reverence, que chega com seu disco de estreia, When Darkness Calls.
Aqui, temos um Power Metal de primeira categoria, pesado, sabendo equilibrar peso, melodia e técnica, bem como ser bem envolvente, e por um time de sujeitos que tem nas costas experiência: Todd Michael Hall já labutou no Jack Starr’s Burning Starr, projeto do conhecido guitarrista Jack Starr; Bryan Holland já fez parte do Arrest e do Tokyo Blade, lendas da NWOBHM; Pete Rossi, guitarrista, já tocou com Joe Stomp; Ned Meloni, das quatro cordas, também tocou no Jack Starr’s Burning Starr junto com Todd; e o batera Steve “Doc Killdrums” Wacholz passou pelo Savatage e gravou todos os álbuns da fase mais clássica da banda. Ou seja, currículo aqui não é problema.
O CD tem uma produção sonora de alto nível, onde a música que sai pelos falantes e forte e ríspida, mas ao mesmo tempo, melodiosa e bem estruturada, com excelentes vocais, guitarras maravilhosas sejam em bases pesadas e agressivas ou solos melodiosos, sem ter aquela velocidade que engana bobos, baixo e bateria formam uma zaga rítmica muito forte e pesada, sabendo variar bastante os andamentos e não servem apenas para segurar a linha de frente, mas são capazes de apresentar um trabalho diferenciado. A produção artística ficou muito bonita e evocando bastante a essência sonora da banda.
É um pecado digno de excomunhão metálica querer destacar esta ou aquela faixa, porque o nível da banda é muito alto, e cada canção tem vida e beleza próprios, mas para sentir como o CD é ótimo, podem começar por When Darkness Calls, uma faixa que começa bem devagar e pesada, para logo ganhar peso e ficar bem empolgante, com excelentes bases de guitarra e vocais ótimos, bem como solos fortes; as ótimas Bleed for Me e Phantom Road, ambas não muito velozes, mas bastante chamativas; Too Late, aquele típico Metalzão um pouquinho mais parado, com vocais se destacando bastante e com ótimo refrão; a grudenta Monster, onde Ned e Doc mostram serviço (e que serviço!); e a semibalada After the Leaves Have Fallen, com belos solos.
Ótimo disco, e é sério candidato a um dos melhores plays do estilo deste ano.

Too Late

Tracklist:

01. When Darkness Calls
02. Bleed for Me
03. Phantom Road
04. Devil In Disguise
05. Too Late
06. Gatekeeper
07. The Price You Pay
08. Monster
09. Revolution Rising
10. After the Leaves Have Fallen
11. Vengeance Is Mine


Formação:

Todd Michael Hall – Vocais
Bryan Holland – Guitarras
Pete Rossi – Guitarras
Ned Meloni – Bass
Steve”Doc Killdrums” Wacholz – Bateria


Contatos:

http://www.reverencemetal.com
https://www.facebook.com/Reverencemetal
http://www.youtube.com/ReverenceOfficial
http://www.reverbnation.com/reverenceofficial
http://twitter.com/#!/ReverenceMetal

Notícias - The Ultimate Music (06/07/2012)



========================================================================

Theatres des Vampires oficialmente confirma show no Brasil


Cinco anos após bela performance de estréia no Brasil, a banda italiana Theatres des Vampires está de volta ao país. A produtora Beauty in Darkness orgulhosamente confirmou, até o momento, única apresentação para o próximo dia 23 de setembro (domingo), no Carioca Club, em São Paulo. O grupo Ravenland, ícone do gothic metal nacional, terá a responsabilidade de abrir a noite.

A turnê pela América Latina consiste nas seguintes datas:
Sep 20 - Moulin Rouge - Caracas, Venezuela
Sep 22 - Roxy Live - Buenos Aires, Argentina
Sep 23 - Carioca Club - São Paulo, Brasil
Sep 27 - Mega Artes - Guatemala City, Guatemala
Sep 29 - Teatro Matacandelas - Medellin, Colômbia
Sep 30 - Teatro Metro - Bogotá, Colômbia

Os ingressos para o show na capital paulistana já estão à  venda nas lojas Profecias e Hellion, na Galeria do Rock, e no site da Ticket Brasil, a partir de R$ 60,00.
Neste momento, Sonya Scarlet (vocal), Stephan Benfante (guitarra), Zimon Lijoi (baixo), Gabriel Valerio (bateria) e Fabian Varesi (teclado) estão em plena turnê de promoção do álbum Moonlight Waltz (2011).
O Theatres des Vampires tem 18 anos de carreira e ficou mundialmente famoso pela temática voltada ao lado oculto dos vampiros e sonoridade bombástica com elementos do Gothic Metal, música eletrônica e certa direção sinfônica.

Links relacionados:

Serviço SP

Theatres des Vampires no Brasil
Data: 23 de setembro de 2012 (domingo)
Banda de abertura: Ravenland
Local: Carioca Club
End: Rua Cardeal Arcoverde, 2.899
Hora: 18h
Ingressos:
1º lote: R$ 60,00 (10/05/2012 à 10/08/2012), camarote: R$ 90,00
2º lote: R$ 75,00 (11/08/2012 à  22/09/2012), camarote:R$ 110,00
3º lote: R$ 90,00 (porta), camarote: R$ 140,00
Estudante – preço promocional: R$ 60,00.
Pontos de venda:
Galeria do Rock: Lojas Profecias             (11) 3333-2364       | Hellion             (11)33332364      
Ingresso online: Ticket Brasil - http://www.ticketbrasil.com.br
Imprensa: (13) 9161.6267 - press@theultimatemusic.com


========================================================================

13 9161.6267

Próximas divulgções e suporte da The Ultimate Music - Press:
07/07 - NOFX + Bullet Bane – A Seringueira – SP/SP
13/07 - Shadowside – Teatro Guarany - Santos/SP
14/07 - Shadowside – Araraquara Rock Festival - Araraquara/SP
15/07 - Shadowside – Stonehenge Rock Bar - Belo Horizonte/MG
20/07 - Shadowside – Jack Music Pub - Bauru/SP
21/07 - Shadowside + The Agonist – Carioca Club - SP/SP
21/07 - Confronto + Matanza – República Music Hall, Taubaté/SP
29/07 - At the Gates + Confronto – Hangar 110 - SP/SP
10/08 - Ugly Kid Joe – Santana Hall - SP/SP
11/08 - Shadowside – 1° Pinhal Rock Music Festival - Clube Recreativo - Espirito Santo do Pinhal/SP
01/09 - Sepultura – Suzaninho - Suzano/SP
16/09 - Emilie Autumn – Inferno Club - SP/SP
23/09 - Theatre des Vampires – Carioca Club - SP/SP


Além dos shows, a The Ultimate Music - Press assessora as bandas Sepultura, Krisiun, Shadowside, Confronto e Hugin Munin. Para mais informações, acesse http://theultimatepress.blogspot.com.


Notícias - MS Metal Press (06/07/2012)




========================================================================
Kamala - Mais um show em Campinas em sua atual turnê

A banda paulista Kamala segue dando prosseguimento a sua atual turnê brasileira, em suporte ao recém lançado debut The Seven Deadly Chakras. Desta feita, o grupo se apresentará novamente em sua cidade natal, Campinas (São Paulo), contando com um setlist especial para a ocasião. 
O evento será realizado no próximo dia 06 de julho, em pleno Sebastian Bar, e contará com a participação especial da banda Metllica (Metallica Cover).  
Serviço:

Kamala - The Seven Deadly Chakras Tour

Data: 06 de julho (sexta-feira)
Local: Sebastian Bar
Endereço: Rua Dona Maria Umbelina Couto, 79, Guanabara 
Horário: 23h30
Cidade/Estado: Campinas/SP
Ingresso: R$17,00
Informações: 19 3212-1508

Links Relacionados:

========================================================================

Blüe Barrel - Confirmado show de pré-lançamento do Debut álbum 

A banda paulista Blüe Barrel confirmou um importante show na cidade paulista de Campinas, que servirá como pré-lançamento do seu vindouro debut álbum “The Oversize Load” (MS Metal Records).
O evento será realizado no próximo dia 06 de julho, em pleno Woodstock Music Bar, e contará com as participações especiais das bandas Niharp e Caravella.
Serviço:

Blüe Barrel - The Oversize Load Tour

Data: 06 de julho (sexta-feira)
Local: Woodstock Music Bar
Endereço: Rua Erasmo Braga, 06, Bonfim
Horário: 22h00
Cidade/Estado: Campinas/SP
Ingresso: R$12,00
Informações: contato@msmetalpress.com 

Links Relacionados:

========================================================================

DarkTower - Confira todas as informações do show em Angra dos Reis/RJ 

A banda carioca DarkTower continua seus shows no país, em suporte ao Single Retaliation, que serve como prévia para o seu debut álbum de estúdio.
O grupo disponibilizou todas as informações do seu próximo compromisso, na cidade carioca de Angra do Reis, no próximo dia 07 de julho.

Serviço:

DarkTower - Retaliation Brazilian Tour 2012

Data: 07 de julho (sábado)
Local: Clube Ibiza
Horário: 20h00
Cidade: Angra dos Reis/RJ
Ingressos: R$10,00 (homens) e R$05,00 (mulheres)
Informações: contato@msmetalpress.com

Próximas datas:

07 de julho: Angra dos Reis/RJ
21 de julho: Rio de Janeiro/RJ
25 de agosto: Belo Horizonte/MG (TBA)
26 de agosto: Belo Horizonte/MG
06 de setembro: Salto/SP
08 de setembro: São Paulo/SP (TBA)


Links Relacionados:

========================================================================


Supersonic Brewer - Confirmado no Psychosocial Festival 2012


A banda gaúcha Supersonic Brewer, que se encontra atualmente em processo de divulgação do seu Debut álbum Broken Bones, foi confirmada como uma das atrações da edição 2012 do Psychosocial Festival. 
O evento acontecerá na cidade de Bento Gonçalves, Rio Grande do Sul, no dia 07 de julho (sábado), onde era situado o antigo Complexo John Bull, e contará com as participações das bandas: Burn N’ Bleed e Rage Against The Machine Cover Brazil. “Testaremos um novo set list nesse show, onde colocaremos cinco ou seis musicas das novas, para abalar as estruturas. Esse certamente será o nosso set list mais matador até agora", declarou o baixista e vocalista Vinicius Durli.

Serviço:

Supersonic Brewer - Psychosocial Festival

Data: 07 de julho (sábado)
Local: Antigo Complexo John Bull
Horário: 23h00
Cidade: Bento Gonçalves/RS
Ingressos: R$50,00 (homens) e R$25,00 (mulheres)
Informações: contato@msmetalpress.com 

Links Relacionados:

========================================================================

Vociferatus - Grupo confirmado no Força Metal Festival 2012


A banda carioca Vociferatus, que se encontra atualmente finalizando o processo de divulgação do seu EP Blessed By The Hands Of Flames, foi confirmada como uma das atrações da edição 2012 do Força Metal Festival. 
O evento acontecerá na cidade de Campos dos Goytacazes, Rio de Janeiro,  no dia 08 de julho (domingo), em pleno Jaiminho’s Bar, e contará com as participações das bandas: Antes da Guerra e Anesthesia of Beer. 

Serviço:

Vociferatus - Força Metal Festival

Data: 08 de julho (domingo)
Local: Jaiminho’s Bar
Endereço: Rua João Guimarães, 68, Centro
Horário: 18h00
Cidade: Campos dos Goytacazes/RJ
Ingressos: R$10,00 
Informações: contato@msmetalpress.com

Links Relacionados:

========================================================================


Devon - Confira agenda atualizada da banda mineira em sua atual turnê 

A banda mineira Devon, que lançou recentemente o seu debut álbum Unreal no mercado nacional, já começou a agendar as datas da turnê que seguirá durante todo o ano de 2012 em seu suporte.
Após se apresentar na capital paulista, no último dia 22 de junho, a Devon levará sua primeira turnê para a sua cidade natal, Campo Belo, em duas oportunidades: 21 de julho na Casa da Cultura e 08 de setembro, sendo uma das atrações confirmadas no Call The Brothers Festival. 
Em paralelo, a banda Devon continua agendando sua atual turnê em suporte ao álbum Unreal, que foi produzido por Thiago Bianchi (Shaman). Para mais informações sobre como contratar o artista, para apresentações em qualquer cidade do Brasil, basta enviar um e-mail para contato@msmetalpress.com

Links Relacionados:


========================================================================


Scrok - Grupo intensifica sua atual turnê confirmando mais uma data no Brasil

A banda maranhense Scrok confirmou mais um show em sua atual turnê, em suporte ao seu EP Devastation, no próximo dia 07 de julho (sábado), na cidade maranhense de Bacabal.
O evento acontecerá na casa de shows União Artística e Operária Bacabalense, às 19h00, e contará com as participações das bandas Profanus, Empty Grace, Jack Devil e outras.
Em paralelo, a banda Scrok continua o processo de composição do seu Debut álbum, que tem lançamento previsto para o primeiro semestre de 2013 através da MS Metal Records.

Serviço:

Scrok – Devastation Brazilian Tour 2012
Data: 07 de julho (sábado)
Local: União Artística e Operária Bacabalense
Cidade/Estado: Bacabal/MA
Horário: 19h00
Valor: R$10,00
Informações: contato@msmetalpress.com

Links Relacionados:

========================================================================


Sunroad - Grupo é confirmado no Manowar Night Party 


A banda goiana Sunroad, que está prestes a lançar seu novo álbum de estúdio Carved in Time, foi confirmada como uma das atrações da edição 2012 do Manowar Night Party, em comemoração ao lançamento do novo álbum dos estadunidenses The Lord of Steel.
O evento acontecerá na cidade de Goiânia, Goiás, no dia 14 de julho (sábado), na casa de shows Music Hall, e contará com as participações das bandas: Kings of Steel (Manowar Cover), Dark Avenger, Up the Irons, Rising Cross, Spiritual Carnage, Skulls of Fire, Monster Bus e Mortuário.

Serviço:

Sunroad – Manowar Night Party

Data: 14 de julho (sábado)
Local: Music Hall
Horário: 16h00
Cidade: Goiânia/GO
Ingressos: R$20,00 e R$50,00
Informações: contato@msmetalpress.com

Links Relacionados:
http://msmetalpress.com/ptbr/artista-sunroad/


========================================================================

Para mais informações sobre as atividades das bandas acima e demais clientes da empresa, basta entrar em contato com a MS Metal Press através do e-mail contato@msmetalpress.com.

Notícias - Metal Media Management (06/07/2012)



========================================================================
Goatlove: Frank Gasparotto é novo guitarrista da banda
Foto: Priscilla Zamarioni

Goatlove anuncia mais uma adição para o lineup, o multi-instrumentista e velho conhecido do cenário nacional, Frank Gasparotto. O músico será o terceiro guitarrista da banda, que já conta com Marco Nunes e Fábio Gusmão nas seis (ou eventualmente sete) cordas.
Frank Gasparotto começou sua vida na música com 10 anos quando escutou pela primeira vez o Vol IV do Black Sabbath, a partir daí, ganhou sua primeira guitarra e amplificador de sua avó. Aprendeu sozinho, do modo antigo com vinis do Kiss, Black Sabbath e Hendrix, seu gosto pela musica pesada e guitarra só foi aumentando.
Montou sua primeira banda com 15 anos, Crematorium, banda de Death Metal onde, basicamente ninguém sabia tocar muito bem, nunca fez um show com esta banda e após alguns anos, conheceu a baterista Vanessa Grinder e montou com ela o Jackknife, fizeram inúmeros shows em SP e região, gravaram uma demo e logo depois um CD, chamado Metal Inferno, tiveram repercussão positiva do material mas por razões pessoais, Vanessa saiu e a banda encerrou suas atividades.
Depois disso Frank entra como baterista da banda de Death Metal paulista Infamous Glory onde ficou um bom tempo, mas o amor pela guitarra falou mais alto e ele saiu da banda. Montou o Maniac (Thrash Metal) ao mesmo tempo em que assumiu o posto de vocalista da lendária banda de Thrash Metal Anthares.
Fez diversos shows com o Maniac e com o Anthares, por motivos de força maior Frank deixou as duas bandas e começou a se dedicar a trabalhos solo, o mais recente é o Electrical Room (Stoner/Doom) onde Frank assume a gravação de todos os instrumentos. Através de um amigo em comum, conheceu Alexandre, a amizade começou a crescer e um dia Alexandre comentou que o Goatlove estava precisando de outro guitarrista, Frank aceitou o convite na hora e assumiu as seis cordas.
Goatlove está finalizando seu novo monstro The Goats are Not What They Seem e recentemente disponibilizou uma nova música para audição, Beautiful Bomb, em seu site oficial: www.goatloveweb.com
O álbum está previsto para breve.
Contatos para shows e merchandise: press@goatloveweb.com

Sites relacionados:

========================================================================

Andralls - Primeira perna europeia concluída, confira como foi
Foto: Daniel Tossato

O Andralls continua fazendo shows atrás de shows em sua maior turnê europeia até o momento. Aproveitando alguns dias de folga, o grupo nos manda notícias e fotos de como estão as coisas pelo Velho mundo, confira:
“Após um mês e uma semana em tour com os meus camaradas do Woslom pela Europa enfim chegou a hora de pegar meus “Parceiros no Crime”, Eddie e Cleber, no aeroporto de Berlin (Alemanha). No dia 28/05/12, partimos para o nosso primeiro show em Leioa (País Basco) que aconteceu no dia 30 de maio, após anos tocando na Espanha enfim conseguimos armar uma data por lá. Abrimos a tour com chave de ouro, um ótimo show numa quarta feira quente  em Leioa com participação ostensiva da pena (galera) basca, show agressivo e muita festa após o show.
No dia seguinte 31/05 partimos para Vigo (Galiza) para tocarmos no festival Brutologueiros, nessa noite dividimos o palco com os galegos Strangle whit Guts e com os romenos Glitgore, o show foi animal, pois rolou no Pub Frenopátiko, um pub pequeno, mas muito aconchegante. Mais uma noite de muito Fasthrash e muito licorcafé, bebida típica galega.
Logo pela manhã seguimos para Portugal (Guimarães), encontramos alguns amigos e fizemos um bom show em uma noite típica do Norte Português (frio para caralho) em Plena Primavera Européia. Tocamos, dormimos algumas horinhas e voltamos para a Espanha, nesse dia (02/06) tocamos num dos maiores Fest Underground de toda a península Ibérica, fest esse idealizado por nossos amigos Toño (Rato Raro), Marta e Patricia. 24 horas ininterruptas de pura desgraça (muito Grind, Crust, Death e Thrash) encontramos muitos fãs do Andralls de todas as partes da Espanha e arrepiamos em plena 4:30 da manhã, como falaram após o show ressuscitamos quem já estava caído morto pelo chão e fizemos um dos melhores shows do fest, considerado por muitos que vieram até nós nos parabenizar após o concerto.
No dia seguinte tivemos folga e descansamos bem na casa do Toño, nos dois dias depois recarregamos as baterias e voltamos para Portugal para tocarmos em Pacos de Ferreira (06/06), mais uma vez um bom show com participação do público, muito mosh pit e headbanging, logo após o show partimos de novo para a Galiza , dessa vez a parada foi em Santiago de Compostela, onde encontramos nosso grande amigo Sergio Ojeda, esse show foi um pouco morno pois o club não era um clube de Metal e o público não compareceu em massa como nos shows anteriores.
Após descansarmos fomos para Ponferrada (Espanha), como dizem os espanhóis esse show foi de “PUTA MADRE LA OSTIA” (risos), sem dúvida o nosso melhor show até então, quebra-quebra generalizado dentro do Club (La Vieja), nessa noite tocamos um cover do Ratos de Porão (Beber até Morrer) em homenagem ao Organizador que é fanático pelo Ratos e tem o logo deles tatuado no antebraço.
Depois de uma noite de festa e um pouco de descanso voltamos para Portugal (Braga), tocamos no Fest de nossos camaradas do Hunted Scriptu, ótima banda de Death tradicional de Braga, eram dois dias de Fest, nós éramos o headliner do sábado e os norte americanos do Havoc do domingo, show muito bom com ótima estrutura e bom publico em mais uma noite fria do Norte Português, após dormirmos um pouco partimos para a famosa cidade de Porto para tocarmos no Metal Point (famoso clube de Metal de lá), ótima estrutura, mas pouco público numa noite domingo, depois de dormirmos na van seguimos em direção a Catalunha com uma parada estratégica em Palencia (Espanha), infelizmente perdemos esse show por problemas na estrada. Chegamos no local muito tarde e não podemos tocar, no dia seguinte partimos para Montpelier (Franca), fizemos uma parada na linda cidade de Sete a beira do Mar Mediterrâneo, relaxamos um pouco na praia e seguimos para Montpelier, por conta de problemas com a documentação da casa e má organização, o show não rolou devido a ameaça de a policia chegar no local.
Após dois dias de broxada, enfim chegamos em Renche (Alemanha), no Club Come Inn, clube este que já recebeu o Andralls por 4 vezes, fizemos um ótimo show e comemoramos com muita cerveja Alemã, logo em seguida pela manhã seguimos para Leper (Bélgica) para tocarmos no Club Vort'vis, já havíamos tocado duas vezes la e mais uma vez fizemos um ótimo show, com presença maciça dos headbangers belgas, tocamos por 1:30hs pois a galera não nos deixava sair do palco, vários amigos, muita cerveja belga (8.5 graus de álcool) e uma ótima noite de descanso no próprio clube.
Depois de dormirmos bem partimos para o Litoral belga (Oostende), tocamos no pequeno Pub Twilight, pico cheio, revemos muitos fãs e amigos e apavoramos no Fasthrash, o clube ficou realmente pequeno, alguns amigos de Ieper foram até Oostende para nos prestigiar e armaram uma puta zona no show, show matador!!!!”

Confira galeria de fotos de alguns shows:

Confira o novo videoclipe do grupo:


Para adquirir o material basta entrar em contato com a gravadora ou nas melhores lojas especializadas de todo o Brasil:


Contato para shows e merchandise: andralls@andralls.com.br

Sites Relacionados:


========================================================================

Lothlöryen: “O gosto musical sempre muda”

Foto: Hernandez 'El Toro'

É com esta frase que o guitarrista Leko Soares do Lothlöryen tenta justificar seus cinco melhores álbuns para o site Heavy Metal Brasil, em uma entrevista especial cedida à mídia.
“Música é algo difícil de ranquear, pois aquele som que a 5 anos atrás não significava nada pra mim pessoalmente, hoje pode ser que seja meu som de cabeceira, portanto, o gosto musical sempre muda, assim como nossas preferências cotidianas. Deixando as divagações de lado, tentei seguir meu critério de álbuns que foram ou são mais relevantes na minha vida musical”.
Apesar da dificuldade em fazer uma lista desse tipo, Leko topou o desafio e apresentou os seguintes trabalhos como seus “prediletos de todos os tempos”, a lista está em ordem cronológica:

BeatlesSgt Pepper’s Lonely Hearts Club Band
Pink FloydDark Side Of The Moon
Iron MaidenSeventh Son Of A Seventh Son
MetallicaMetallica
Blind GuardianNightfall In Middle Earth

Reparando nos álbuns escolhidos pelo músico, podemos realmente observar algumas de suas influências na música do Lothlöryen, extremamente rica e complexa. Se quiser fazer um paralelo entre seus álbuns mais influentes e sua música, dê uma conferida no mais recente videoclipe do grupo Face Your Insanity e tire suas conclusões: 


Para ler a matéria completa, com os comentários de cada álbum citado acima, visite:


Contato para shows e merchandise: lothloryen.oficial@gmail.com

Sites Relacionados:

========================================================================

Notícias - Som do Darma (06/07/2012)




========================================================================

Kappa Crucis - Banda fará abertura para o show do Circa  

O Kappa Crucis, veterano grupo de heavy rock da cidade de Apiaí/SP, foi confirmado como banda de abertura para o show do Circa que será realizado no dia 13 de Julho na cidade de Votorantim, interior de São Paulo. O show celebra o Dia Mundial do Rock e terá entrada franca.
Circa é formado pelos ex-integrantes do YES, o tecladista Tony Kaye e o multi-instrumentista Billy Sherwood. O show  que o grupo fará em Votorantim faz parte da turnê que a banda americana realiza no Brasil em Julho e que também incluirá shows no Bourbon Street em São Paulo e no Teatro Rival no Rio de Janeiro. Essa será a primeira vez que eles se apresentarão com o  Circa no Brasil - eles já estiveram aqui antes como músicos do YES - e o show em Votorantim será o único numa cidade do interior.  
"É um orgulho para nós do Kappa Crucis dividir o mesmo palco com personalidades do Rock como o Tony Kaye, Billy Sherwood e todos os músicos do  Circa", declarou o baterista F. Dória. "Nossa responsabilidade tem aumentado a cada dia e esse show é uma prova disso. Votorantim tem o privilégio de ter shows de rock ao ar livre. E nós estaremos no dia 13 de julho lá. Convidamos o público para fazer uma grande celebração ao rock'n'roll nesse dia. Todos juntos vamos fazer uma grande festa."
O Kappa Crucis está em fase final de gravação de seu segundo álbum de estúdio. As gravações estão ocorrendo no Ger Som Estúdio na cidade de Itapeva/SP, mesmo local onde gravaram o elogiado Jewel Box de 2009.
Apesar de o título do disco ainda não ter sido escolhido, o tracklist já está definido: Flags and Lies, Strange Soul, Invisible Man, What Comes Down, Nobody Knows, Mecathronic, Between Night And Day, When the Legs are Wheels, The Braves and the Fools e School of Life.
O disco deve chegar às lojas no segundo semestre de 2012.  

Serviço:
Show CIRCA - Dia Mundial do Rock
Abertura: Kappa Crucis e Dream Wild
Data: Sexta-Feira – 13 de Julho de 2012
Horário: 19h
Local: Praça de Eventos Lecy de Campos – Centro – Votorantim/SP
Entrada Franca (Não é necessário a retirada de ingressos antecipados)

Mais informações:






Informações para Imprensa:

Eliton Tomasi - SOM DO DARMA
(15) 3211-1621

Hell's Thrash Horsemen/Rattle – Pain is Inevitable (Split CD)


Holocaust Prod./Hedacrusher Prod. – Nacional 
Notas: 7 para Hell's Thrash Horsemen; 9 para Rattle 
Por Marcos Garcia

Desde os anos 80, a fórmula dos Splits continuamente é usada, trazendo duas bandas, em geral desconhecidas do grande público, e com esse entre as bandas Hell's Thrash Horsemen (da Rússia) e o Rattle (do Brasil) não poderia ser diferente. 
Ambas as bandas são quintetos, sendo que os russos se dedicam a fazer um Thrash Metal anos 80 bem personalizado, com fortes toques da segunda geração da escola americana, ou seja, não abrem mão da agressividade e peso, mas ao mesmo tempo, as melodias estão presentes de forma bastante evidente, em uma música técnica e cheia de energia. Já o Rattle prefere fazer um Thrash/Death Metal forte, com bastante técnica e peso, mas ao mesmo tempo, intenso e bem agressivo, seguindo os moldes da escola européia (especialmente a sueca) do estilo. 
Os russos gravaram, mixaram e masterizaram seu trabalho nos Alex Studio em setembro de 2008, com a produção de Alex Chernenkov e da própria banda, e a gravação ficou em um nível bem razoável, embora um pouquinho abafada, mas é possível captar a sonoridade da banda e ver que sua proposta sonora é boa. 
Já o Rattle fez sua parte de estúdio nos MD Studios, tendo a parte técnica sido feita por Sidinei Falcão, em uma gravação limpa e seca, bem ríspida e que foca no conjunto, ou seja, todos os instrumentos aparecem bem. 
O Hell's Thrash Horsemen é uma boa banda, mas carece de uma pequena dose de personalidade, pois ainda está muito apegado às suas influências, logo, ainda parecem com outras bandas. Não é que não exista personalidade no trabalho musical deles, mas poderia ser melhor, e ouvindo, temos a clara idéia que a banda é boa, especialmente por momentos fortes como Prologue to Slaughterhouse, uma faixa bem variada e forte, assim como a cadenciada Beginning of War, a boa Serial Man e o cover para The Preacher, do Testament. Ou seja, eles podem e tem talento para fazer um trabalho excelente. 
O Ratlle é uma banda bem justinha, tem personalidade e sabe equilibrar bastante sua sonoridade, sabendo ser técnico e ríspido, mas sem deixar de mostrar uma técnica musical ótima. Ótimos riffs em The Hell of the Living Dead, música bastante empolgante com momentos bem 'slayerianos' aqui e ali; Drinking Blood, com seu baixo bem técnico e ótimos vocais guturais, em outra faixa bastante envolvente; a curta e esporrenta Operation: Exterminate!; The End, uma faixa muito bruta e intensa, com ótimas conduções por parte da bateria; e a ótima versão para Mass Hypnosis, do Sepultura, expondo uma influência de seu som, mas sabendo ter personalidade própria. 
Parabéns a ambas as bandas, e esperamos notícias ótimas de cada uma delas. 


Hell's Thrash Horsemen - ...Till Violence 

Tracklist: 

01. ...Till Violence 
02. Prologue to Slaughterhouse 
03. Beginning of War 
04. Hell's Thrash Horsemen 
05. Serial Man 
06. My Feelings to the Past 
07. The Preacher (Testament Cover) 



Formação: 

Alexander Ivanov – Vocal 
Nick Komshukov – Guitarras 
Andy Kozhekin – Guitarras 
Gleb Mikhaelchenkov – Baixo 
Andy Azarov – Bateria 

Contatos: 



Rattle – Hell of the Living Dead 

Tracklist:

08. Hell of the Living Dead 
09. Drinking Blood 
10. Operation: Exterminate! 
11. The End 
12. Mass Hypnosis (Sepultura cover) 



Formação: 

Val Oliveira – Vocais 
Henrique Coqueiro – Guitarras 
Gustavo Martins – Guitarras 
Louan Kemlin – Baixo 
Drica Lago – Bateria 


Contatos: