6 de jun de 2017

ANTHARES FEST: Vulcano convida fãs para show que acontece no mês que vem



No mês que vem acontecerá o show comemorativo de 30 anos de um dos discos mais emblemáticos do Metal nacional; O icônico “No Limite da Força”, do Anthares, que será apresentado na integra, no dia 15/07 (sábado), na Clash Club (R. Barra Funda, 969, São Paulo – Próximo ao metrô Barra Funda)

Além do Anthares, também se apresentam as bandas Vulcano, Warsickness e DER.

O Vulcano – que na ocasião tocará o clássico “Blood Vengenace” na íntegra – gravou uma mensagem convidando os fãs para o evento. Assista, aqui:



Para mais informações, siga a página do evento no Facebook:


Formado em 1983, em São Paulo, por Henrique “Poço” (vocal), Cristian (guitarra), Zé Aranha (guitarra), Pardal (baixo) e Evandro Jr. (bateria), a banda lançou em 1987, aquele que se tornaria um dos maiores clássicos do Speed/Thrash Metal, “No Limite da Força”. Depois de um período em “hibernação”, a banda retornou, e em 2015, lançou seu segundo álbum, “O Caos da Razão”, que recebeu excelentes críticas, por manter as características e o ‘feeling’ do material antigo. A formação atua traz Diego Nogueira (vocal), Eduardo Toppeman (guitarra), Mauricio (guitarra), além dos fundadores, Pardal e Evandro Jr.

O Vulcano é um dos percussores do Black Metal/Death Metal – sendo referência para inúmeras bandas da Escandinávia. Na ocasião irão apresentar na integra o seu primeiro álbum de estúdio, “Bloody Vengeance”, de 1986. A banda está divulgando seu décimo álbum, “XIV”.

O Warsickness é da nova geração do Thrash Metal, e vem de Itapevi/SP. Eles estão divulgando seu álbum de estreia, “Stay Drunk In Hell” (2015).

Já o D.E.R. é uma banda paulista de Grindcore formada em 1997, sendo considerada uma das mais brutais do gênero, no país. Eles estão divulgando o EP "Rancor" (2017)

Os ingressos físicos já estão disponíveis na Mutilation Records da Galeria do Rock!


SERVIÇO:

Clash Club Apresenta:
ANTHARES – 30 ANOS NO LÍMITE DA FORÇA
Bandas convidadas: Vulcano (tocando “Bloody Vengeance” na íntegra!), Warsickness e D.E.R.

Dia: 15/07 (Sábado)
Local: Clash Club (Rua Barra Funda, 969, São Paulo – próximo ao metrô Barra funda)

Ingressos/valores:
1º lote: R$ 25,00
2º lote: R$ 30,00
Bilheteria: R$ 35,00

Camarote: R$50

Ponto de venda:

Mutilation Records (Galeria do Rock Rua 24 De Maio, 62 - 2º Andar - Loja 370 - São Paulo)

Ingressos online:



Páginas relacionadas:


WAEL DAOU: reveja a series de reviews do guitarrista


Após ter sido anunciado como endorser da Laney e Ibanez o mago das oito cordas WAEL DAOU iniciou uma série de reviews de ambas as marcas, onde mostrou todo seu conhecimento e domínio dos amplificadores e guitarras.


Em vídeos bem didáticos e de fácil assimilação, onde até mesmo quem não toca nenhum instrumento entende e fica tentado a arriscar algumas notas.

Não perca tempo e confira os reviews no link a seguir:



Links Relacionados:


CARNIÇA: “Nations of Few” liberado para audição



Em 2012 a CARNIÇA lançava o álbum de sua consolidação, o poderoso “Nations of Few” (terceiro da carreira), onde trouxe uma banda ainda mais madura e com suas peculiaridades sonoras cada vez mais expostas.

O álbum teve diversas críticas positivas ao redor do Brasil, assim como figurou em várias listas de melhores daquele junto a sua arte gráfica que também foi extremamente elogiada.

O disco também marca a “volta” a ativa da lenda Claudio David do Overdose, que após um bom tempo longe dos estúdios e de sua guitarra (devido a um acidente), retornou em uma participação mais do que especial na música “Prayers Before The Death”, com um solo fantástico.

Não perca tempo e ouça “Nations of Few” agora mesmo:



Links Relacionados:


THE NIGHTSTALKER – A Journey in Hell (Álbum)


2017
Importado

Nota: 9,2/10,0


Tracklist:

1. The Departure                   
2. The Children of the Devil             
3. Like I Already Know This Foe                
4. The Plain of the Warriors              
5. Cerberus                
6. The Pursuer is Near                       
7. The Library            
8. I've Found Her                  
9. Back Again           
10. Red Moon Rises             
11. Waiting for Miss Ombrelle


Banda:


Steve “Serpent” Fabry - Todos os intrumentos, vocais
The Nightstalker - Sua estória
Simon Charlier - Guitarras
Yannick Martin - Programação de Bateria, backing vocals


Contatos:

Twitter:
Youtube:
Instagram:
Bandcamp:
Assessoria:


Texto: Marcos “Big Daddy” Garcia


Desde o Black Metal retornou no início dos anos 90, após anos dado como morto (quando na realidade, estava apenas relegado aos porões mais profundos do underground), houve a fragmentação e diversificação do gênero em muitos. Algo óbvio, que ocorre com todo e qualquer estilo de Metal que se preze. A isso, damos o nome de evolução. E segundo por uma linha mais sombria e atmosférica do Metal, temos o THE NIGHTSTALKER, da Bélgica. Apesar de pouco conhecido no Brasil, “A Journey in Hell” é o quarto trabalho do grupo, e como ele é bom!

Antes de tudo, o trabalho do grupo é focado em algo soturno e extremamente atmosférico, mas com sua dose certa de agressividade e rispidez. Com riffs de guitarras insanos e bem azedos, além de vocais rasgados típicos do Black Metal, ainda temos aquela aura mórbida e introspectiva de teclados muito bem arranjados dando um alinhavo melancólico denso às canções. É agressivo e negro, mas requintado e de uma beleza grandiosa, ou seja, se adapta ao rótulo Dark Ambient/Gothic Black Metal.

A produção de “A Journey in Hell” buscou equilibrar todos os aspectos soturnos e fúnebres da música que o grupo criou. A qualidade é crua e ríspida, ou seja, aquele toque essencial para que o trabalho da banda possa ganhar vida, mas ao mesmo tempo, se percebe uma estética clara, com a nítida preocupação de se fazer entender pelo ouvinte. E a arte, trabalhada em tons de branco, preto e cinza, ficou ótima, deixando tudo simples e funcional, para que ela seja complementar ao lado musical, para que o foco da nossa atenção seja somente na música que eles criam.

Denso, melodioso, elegante e intenso, a música do THE NIGHTSTALKER é cativante em todos os momentos, um deleite bem arranjando e com todas as suas partes instrumentais e vocais se encaixando para criar uma atmosfera que envolva o ouvinte.

Melhores momentos: os contrastes belos da melodiosa e melancólica “The Departure” com suas guitarras e vocais azedos; a introspectiva e recheada de teclados, guitarras limpas e teclados atmosféricos “The Children of the Devil”; a crueza envolvente e requintada de “Like I Already Know This Foe” e seus vocais bem encaixados sobre as melodias fúnebres criadas pelas guitarras (que riffs ótimos!); a hipnótica e extremamente requintada agressividade de “The Plain of the Warriors” e suas linhas melódicas soturnas; a mais agressiva e ríspida “The Pursuer is Near” (que mostra mudanças de ritmo muito boas); a melancolia gótica e intensa de “I’ve Found Her”; a viagem mezzo melódica e mezzo agressiva de “Back Again” com suas guitarras excelentes nos riffs e solo; e a totalmente Dark Ambient “Red Moon Rises” e seus vocais rasgados agonizantes.

No mais, “A Journey in Hell” é um disco ótimo dessa entidade chamada THE NIGHTSTALKER que nos convida para uma viagem por suas visões negras e introspectivas sobre a vida...

MAUÁ EM PESO: Hellish War, Armadilha, SweetDanger, Setenciador e Final Disaster neste domingo dia 11

Foto: Eliton Tomasi


Acontece neste domingo, dia 11 de Junho, o festival Mauá em Peso. HELLISH WAR, Armadilha, SweetDanger, Setenciador e Final Disaster se revezarão no palco do Mossoró Rock Bar em Mauá, na grande São Paulo, a partir das 14hs. Os ingressos estarão sendo vendidos na hora no local do show por apenas R$ 20,00.

Há mais de 20 anos na estrada, o HELLISH WAR terá a honra de ser a banda headliner do Mauá em Peso. Nesse ano o grupo vem celebrando os 15 anos desde o lançamento de seu disco de estreia, o clássico “Defender Of Metal”.

"Defender Of Metal" é considerado um dos melhores álbuns do estilo no Brasil e na Europa, onde o grupo já excursionou duas vezes. "Defender Of Metal" não só projetou a carreira do HELLISH WAR internacionalmente, mas moldou a personalidade musical do grupo que foi aprimorada nos trabalhos subsequentes, "Heroes Of Tomorrow" de 2008 e "Keep It Hellish" de 2013. O disco ao vivo "Live In Germany" (2010) também veio recheado de clássicos do debute e provou o poder de fogo dessas faixas entre o público europeu.

Para esse show em Mauá, muitos clássicos de “Defender Of Metal” estarão no setlist, bem como músicas do mais recente álbum, “Keep It Hellish”, que já estão entre as preferidas dos fãs. 

O HELLISH WAR é atualmente formado por Bil Martins (vocal), Vulcano (guitarra), Daniel Job (guitarra), JR (baixo) e Daniel Person (bateria).


Confira o videoclipe oficial da música “Keep It Hellish” do HELLISH WAR: https://youtu.be/tn04YgvLH1I


Serviço:

Mauá Em Peso
Bandas: HELLISH WAR, Armadilha, SweetDanger, Setenciador e Final Disaster
Data: Domingo, 11/06/2017
Horário: 14:00
Local: Mossoró Rock Bar – Av. Barão de Mauá, 983 – Mauá/SP (10 minutos da Estação CPTM de Mauá)
Ingressos: R$ 20,00 a venda no local na hora do show.
Estacionamento ao lado.
Evento no Facebook: https://www.facebook.com/events/201462203694859/

Mais Informações: 

Fonte: Som do Darma
Press Release e Gestão Cultural (Hellish War)
A/C Eliton Tomasi

HOT FOXXY: assista ao vídeo da música “Born To Be A Rockstar”, no programa Tenda



A banda curitibana HOT FOXXY lançou um vídeo para a sua performance da música “Born To Be A Rockstar”, que foi apresentada ao vivo durante o programa TENDA. O vídeo foi gravado no Studio Tenda, em Curitiba (PR). “Born To Be A Rockstar” tem como tema a liberdade, a vida na estrada e o desejo de viver do Rock’n’Roll.

O Studio Tenda apresenta um programa semanal no Youtube chamado TENDA, voltado para cena underground, no qual convida bandas do cenário local,nacional e internacional para mostrar uma música tocada ao vivo. Em toda semana, o programa lança um vídeo novo com uma banda diferente para o público conhecer.



magens – Lyrian Oliveira
Som – Mario Oliveira
Edição – Cafuringa
Realização – Studio Tenda

Um universo musical inspirado nas mulheres independentes. Letras que falam sobre as várias faces do amor, sobre a liberdade, sobre como o rock pode ser libertador para a alma e para o coração humano. Arranjos, riffs, ritmos e solos pesados característico do Hard Rock dos anos 80’/90′.

Essa é a proposta da banda curitibana HOT FOXXY, que há três anos circula por bares, casas e eventos da cidade. Com suas apresentações únicas a banda traz aos seus seguidores uma referência de liberdade e defende o respeito e a admiração por todas as mulheres.

Marco Lacerda – Vocais
Humberto Sprenger – Guitarra Solo
Eder Erig – Guitarra base
Daniel Schultz – Bateria
Roberto ” Betão ” Sassarrão – Baixo

Acompanhe a banda HOT FOXXY e +:

Instagram: @hotfoxxyband

TANKARD - One Foot in the Grave (Álbum)


2017
Nacional

Nota: 10,0/10,0

Tracklist:

CD 1 (One Foot in the Grave):

1. Pay to Pray
2. Arena of the True Lies
3. Don’t Bullshit Us!
4. One Foot in the Grave
5. Syrian Nightmare
6. Northern Crown (Lament of the Undead King)
7. Lock ‘Em Up!
8. The Evil that Men Display
9. Secret Order 1516
10. Sole Grinder

CD 2 (Rock Hard Festival 2016):

1. Intro
2. Zombie Attack 
3. The Morning After 
4. Fooled by Your Guts 
5. Rapid Fire (A Tyrant’s Elegy) 
6. Rules for Fools 
7. R.I.B. (Rest in Beer) 
8. Metal to Metal 
9. Not One Day Dead 
10. Chemical Invasion 
11. A Girl Called Cerveza 
12. Rectifier 
13. (Empty) Tankard


Banda:



Gerre - Vocais
Andy - Guitarras
Frank - Baixo
Olaf - Bateria

Convidados:

C - Vocais em “Secret Order 1516”


Contatos:

Instagram: 
Bandcamp: 
Assessoria: 

E-mail: florian.milz@nuclearblast.de (imprensa)

Texto: Marcos “Big Daddy” Garcia


Escondam seu estoque de cerveja, tranquem suas filhas e preparem-se para a diversão, pois um dos grupos mais divertidos do Thrash Metal mundial chega mais uma vez dispostos a não deixarem pedra sobre pedra, e nem mesmo pescoços e fígados inteiros.

Sim, o quarteto alemão TANKARD, de Frankfurt, vem para mais uma rodada, e detona ouvidos com “One Foot in the Grave”, seu mais recente disco, que saiu pela parceria da Nuclear Blast Brasil com a Shinigami Records.

Mas o que o TANKARD, depois de tantos anos de CDs ótimos, tem a nos dar com “One Foot in the Grave”?

Absolutamente NADA de novo, mas justamente por isso o CD é animal!

Sim, pois o quarteto já tem seu estilo mais que consolidado, o bom e velho Thrash Metal alemão: agressivo, pesado, com boas melodias nas guitarras, e como sempre, com um toque de ironia. Sim, pois o propósito da banda é ser divertida, com suas letras irônicas e cheias de bom humor. Mas tudo isso sobre uma base bem trabalhada e firme, com um som realmente impactante e atualizado. Se você quer ver fidelidade às raízes e honestidade, falou em TANKARD, sem sombra de dúvidas!

Martin Buchwalter produziu “One Foot in the Grave”, dando uma sonoridade sólida e pesada ao disco, mas fluida e clara ao ponto de se compreender o que eles estão fazendo e tocando. E soa renovado e vigoroso sempre, e isso para o trabalho do quarteto é muito importante, pois os timbres dos instrumentos e vocais são marcas registradas do som desses alemães pés de cana!

E a capa é do artista Patrick Strogulski já deixa claro que o que ouvirá no disco é diversão pura, e do mais alto nível. 

Apesar de não mudar seu estilo, o TANKARD soa atualizado e cheio de tesão, algo que se transforma em energia crua que flui pelos falantes, e vai provocar pogos e porres antológicos nas mesmas medidas. E se preparem, pois “One Foot in the Grave” tem poder de fogo musical para se equiparar aos grandes clássicos deles.

Uma rifferama absurda e intensa vem logo de cara em “Pay to Pray”, uma canção de típicas características Thrash germânicas (e reparem nas melodias dos solos). A crítica aos confrontos digitais nas mídias sociais é o tema da bruta e azeda “Arena of the True Lies” (e que belo trabalho de baixo e bateria, mantendo o ritmo firme e coeso). Um recado direto e reto é ditado nas linhas Thrashers mais tradicionais da pesadíssima “Don’t Bullshit Us!”, outro desfile de ótimos riffs de guitarras e refrão memorável. Introduzida por lindas melodias nas guitarras vem “One Foot in the Grave”, que logo vira um inferno de velocidade capaz de levar o ouvinte ao moshpit sem clemência, e uma aula dos vocais em termos de agressividade e intepretação. Com um andamento não tão veloz e certo toque de revolta vem “Syrian Nightmare”, cujo tema central das letras trata dos confrontos na Síria e mortes em vão de todos os dias, e isso fica evidente nos vocais rasgados e impostação da voz de Gerre.  As guitarras de Andy soam pesadas, com riffs “Sabbáthicos” e andamento lento no início de “Northern Crown (Lament of the Undead King)”, que logo ganha uma pegada um pouco mais tradicional em termos do estilo, e com belas intervenções e temas das seis cordas. Um faixa mais trabalhada e com boas mudanças de ritmo é “Lock ‘Em Up!”, com um jeitão da German Old School of Thrash Metal forte, onde o baixo de Frank e a bateria de Olaf estão de primeira. A descontração surge na divertida e bem agressiva “The Evil that Men Display”, que é seguida pela longa e brutal “Secret Order 1516”, uma paulada nos ouvidos e cuja a agressividade é intensa, com a participação de C. (do DICKCUTTER, DISINFECT, e DOOM OF LILITH) em alguns vocais limpos. Mas a diversão volta a ser a tônica em “Sole Grinder”, recheada de riffs bem agressivos, e é uma homenagem do grupo ao manager Buffo Schnädelbach (que de acordo com Gerre, é “a pessoa má humorada mais engraçada da Alemanha”). Ah, sim, deixe a música tocar mesmo com o silêncio, e se prepare para dar gargalhadas desses sujeitos, pois eles são demais!

A versão nacional é dupla, trazendo no disco 2 a apresentação do quarteto no Rock Hard Festival de 2016. E assim, se percebe que esses quatro pinguços estão longe da aposentadoria, já que canções clássicas como “Zombie Attack”, “The Morning After”, “Chemical Invasion” e “(Empty) Tankard”, tem-se temas mais novos como “R.I.B. (Rest in Beer)”, “Fooled by Your Guts” e “A Girl Called Cerveza”. Ou seja, o quarteto mostra que quem vive de passado é arqueólogo, e que eles ainda tem energia de sobra nos discos atuais para garantirem um bom show.

Não pergunte, compre. Sim, compre, pois “One Foot in the Grave” é um disco de primeira, uma ressaca certa, e tenha certeza: com o TANKARD, o Metal é de primeira e a diversão mais que garantida!

Aliás, se esses caras estão achando que estão com o pé na cova, tocando desse jeito e fazendo um dos melhores discos de Thrash Metal de 2017, quando pinguços perceberam que não estão, haja energia e cerveja!




TANKARD: "One Foot in the Grave" lançado no Brasil!


Tracklist:

1. Pay to Pray
2. Arena of the True Lies
3. Don't Bullshit Us!
4. One Foot in the Grave
5. Syrian Nightmare
6. Northern Crown (Lament of the Undead King)
7. Lock 'Em Up!
8. The Evil that Men Display
9. Secret Order 1516
10. Sole Grinder



Resenhas internacionais:

ROCK HARD | 8/10 

METAL HAMMER | 6/7

LEGACY | 14/15

THE WASTED: transformando uma de suas músicas mais pesadas em clipe!



Uma das novas promessas do Metal brazuca na atualidade, a banda paulista THE WASTED, acaba de “transformar” uma de suas música mais agressivas em um belo videoclipe.

Trata-se da faixa ‘Everything is Under Control’, uma das mais ácidas e contestadoras do álbum ‘Rotten Society’. O clipe teve edição nas mãos do baterista Rodrigo Mariano e contou com filmagens de Juninho Oliveira e Douglas Fernandes Leite.



Este é o primeiro videoclipe oficial da carreira do grupo e, como tudo que eles vêm fazendo, foi cercado de muita luta, mas também muito amor e dedicação ao sonho e ao Metal, “foi uma experiência muito bacana em meio ao caos (risos), não havia um diretor, então todo mundo palpitou um pouco, mas no final tudo deu certo!”

O álbum ‘Rotten Society’, recém-lançado de forma independente, vem sendo muito bem recebido pela crítica especializada. O disco foi gravado no estúdio Surto e produzido por Rodrigo Mariano, com arte da capa por Pablo Ferrarezzi.


Sua versão física e todo o material do THE WASTED, estão disponíveis para venda com envio para todo Brasil. Para comprar basta entrar em contato com a banda por e-mail ou Facebook.

‘Rotten Society’ também está disponível nas principais distribuidoras e plataformas de música digital do mundo, confira alguns links:



Sites relacionados:

Fonte: Metal Media

SODOMA: um dos grandes nomes do Black Metal abre a agenda de shows



Celebrando a grande recepção de seu novo álbum de estúdio, ‘Mutapestaminação’, o SODOMA anuncia que está com a agenda aberta para shows.

A banda, com um dos shows mais elogiados do Metal Extremo nacional, está disponível para shows em todo o território nacional. Produtores, casas de shows, organizadores de evento e interessados em contratar o SODOMA, podem entrar em contato: libertinos666@gmail.com

Lembrando que o SODOMA acaba de disponibilizar um novo lyric video. A música escolhida é ‘7Strega’, terceira faixa da obra. O trabalho de edição do vídeo ficou nas mãos do artista Arturo Antony (www.facebook.com/arturo.antony) da MAD Studio:



‘Mutapestaminação’ conta com nove faixas e foi produzido por Victor Hugo Targino da VH Records. Já arte da capa ficou nas mãos de Rafael Tavares (Chaos Synopsis, Desdominus, Luxuria de Lillith, etc).


O trabalho, lançado no ano passado, é sem dúvidas o ápice musical e lírico da carreira do grupo até o momento e desde seu lançamento vem mostrando toda a força do Metal Negro cantado em português do SODOMA. O opus foi citado como um dos principais lançamentos de 2016 pelo zine Ocvlta Insanidade e pelo programa Peste Negra da Cangaço Rock.


Sites Relacionados:

Fonte: Metal Media

PANDEMMY: música do novo álbum é destaque em coletânea nacional com a música “Circus Of Tyrannies”



Depois de uma apresentação destruidora ao lado das bandas Amon Amarth, Abbath e Warcursed, os pernambucanos do PANDEMMY voltam suas atenções para o vindouro álbum “Rise Of A New Strike”. Mesmo sem ter lançado no formato físico ainda, o novo full length do grupo vem sendo anunciado desde 2016, ano que foi oficialmente liberado para streaming no YouTube, Bandcamp e SoundCloud oficiais da banda.

O trabalho ganhou novamente destaque nos últimos dias, onde teve uma das suas principais músicas, “Circus Of Tyrannies”, incluída na nova edição da “Faces Of Hate Compilation”, onde o PANDEMMY figurou ao lado de grandes bandas do cenário nacional e internacional dentre elas IMPERIOUS MALEVOLENCE, MALKUTH, ASKE, ARMUM, TORTURIZER, FUSILEER, OBSCURITY VISION e muito mais.


Clique no link a seguir e faça o download GRATUITO agora mesmo da “Faces Of Hate Compilation VI”: https://goo.gl/IOIpvE

Baixe também as edições anteriores: http://www.tornhaterecords.com/page/239729-Faces-of-Hate

Ouça o álbum “Rise Of A New Strike” no YouTube: https://www.youtube.com/watch?v=Gm-a3dsSTcc


Em paralelo, o PANDEMMY afirma que lançará o novo full length, “Rise Of A New Strike”, no formato físico ainda neste segundo semestre de 2017, enquanto que no formato digital, será feita pela SANGUE FRIO RECORDS nos próximos meses.

Para mais informações sobre esse e demais lançamentos do selo supracitado escreva para: sanguefriorecords@sanguefrioproducoes.com.

Contato para shows e assessoria: www.sanguefrioproducoes.com/contato

Sites relacionados:


KHROPHUS: banda comemora 24 anos de carreira com semana intensa de shows internacionais


A atual turnê de divulgação da banda catarinense KHROPHUS, em suporte ao atual álbum “Eyes of Madness”, terá nova passagem internacional iniciada neste final de semana.

A “Spreading The Madness Tour 2017” percorrerá por três países diferentes, tendo seis apresentações na Bolívia, duas entre os países do Paraguai e Argentina, e para coroar o início positivo deste percurso fora do país, o grupo iniciará o mesmo com um show memorável em Foz do Iguaçu/PR. Confira abaixo o cartaz completo de 2017:


Para mais informações sobre todos os eventos: khrophus@hotmail.com

Ao todo, o KHROPHUS já soma um total de vinte e dois shows em 2017, que, ao final do mesmo, se somará as datas da turnê completa para confecção de uma bonita camiseta que será comercializada ao público.

Confira datas de 2016: http://bit.ly/KhrophusSMT2016

Produtores interessados em levar a “Spreading The Madness Tour” para seus respectivos eventos podem escrever para contato@sanguefrioproducoes.com ou khrophus@hotmail.com e solicitar um orçamento.

Contato para shows e assessoria: www.sanguefrioproducoes.com/contato

Sites relacionados:


Fusileer: “War Triumph” já pode ser encontrado nas maiores plataformas de streaming do mundo


Os fãs do Thrash Metal oitentista tem mais uma razão para comemorar, e muito! Tudo isso por que a banda paranaense FUSILEER, junto a SANGUE FRIO RECORDS, estão oficialmente disponibilizando o debut EP, “War Triumph”, nas maiores plataformas digitais do mundo.

O trabalho de estreia, que havia sido lançado em 2014, já tinha se esgotado no formato físico, e por isso o grupo firmou esta forte parceria com o selo supracitado, lançando enfim o álbum para streaming, já podendo ser ouvido e baixado pelos links disponibilizados abaixo, confira:

iTunes/Apple Music: https://itun.es/br/OieVjb

Em paralelo, o FUSILLER segue trabalhando em seu primeiro full length, previsto ainda para 2017 e afirma que em breve levará a público mais informações sobre o mesmo, porém o grupo ainda está em processo de agendamento de datas para shows em suporte ao álbum “War Triumph”. Para mais informações sobre como reservar uma data para qualquer cidade do país, basta entrar em contato através dos e-mails contato@sanguefrioproducoes.com ou thrashfusileer@gmail.com e solicitar um orçamento.

Contato para shows e assessoria: www.sanguefrioproducoes.com/contato

Sites Relacionados:

ARTICULADO: show em Santo André no sábado


No próximo sábado (10/06), o ARTICULADO se apresenta no Rising Power Estúdio, em Santo André (Avenida Coronel Fernando Prestes, 677). A abertura do show fica por conta da banda BOES (Down cover). Além de sorteios de brindes, haverá churrasco na faixa, para quem comparecer.

Para mais informações, siga a página do evento no Facebook:



Assista os vídeos onde “amigos” da banda convidam para esse show – de forma bem humorada:







Assista o clipe de “Céu e Concreto”:



O ARTICULADO inicia a pré-produção de seu novo álbum, com previsão de lançamento para o segundo semestre de 2017.

Depois de passar por algumas mudanças na formação, o ARTICULADO se estabilizou com Jeferson (vocal), Rafael (guitarra), Adilson (baixo) e Marcel (bateria).

Siga o ARTICULADO em seus canais oficiais:


MASSACRATION: ​“Metal Milf” chega a 1 milhão de visualizações no Facebook


A banda MASSACRATION acaba de alcançar mais de um milhão de visualizações no Facebook do videoclipe de seu single “Metal Milf”, o mais novo grande sucesso do grupo. Esse clipe foi extremamente aguardado pelos fãs que agora vivem essa experiência intergaláctica com a banda.


Este videoclipe representa todo o espírito de renovação do MASSACRATION e conta com a participação especial da apresentadora Sabrina Boing Boing e teve direção da Opeharaus produções.


Um show da banda foi recriado mostrando a volta as atividades musicais em uma grande comemoração ao rock e a vida de cada um de nós que lutamos por um sonho. O retorno da banda está confirmado para o dia ‪26 de agosto‬, na Tropical Butantã, em São Paulo local utilizado para gravação de parte do videoclipe.

Assista no YouTube: https://youtu.be/F4gqnN0Vods


Mais informações:

Marketing Artístico/Entretenimento