29 de jul de 2013

Ecliptyka: músicos gravam cover do Alter Bridge


A vocalista Helena Martins e o guitarrista Hélio Valisc, da banda paulista de Heavy Metal ECLIPTYKA, gravaram uma cover acústica para "Blackbird", da banda ALTER BRIDGE. O vídeo da versão feita pela dupla foi gravado no MarkStudio em Jundiaí e pode ser visto abaixo:


Sobre a cover Hélio Valisc comentou: "A ideia do cover partiu de nossa paixão mútua pelo trabalho do Alter Bridge. Não somente eu e Helena admiramos o trabalho da banda, mas toda a Ecliptyka tem o AB hoje como uma grande referencia musical. Mark Tremonti e Myles Kennedy estão reinventando o estilo, o que podemos chamar de Hard Rock Contemporâneo (risos), e Blackbird sem dúvida é a obra-prima consagrada deles. O vídeo foi uma realização própria e também um homenagem!"


O ECLIPTYKA lançou seu álbum de estréia, "A Tale of Decadence", em 2011, com lançamento no Brasil pela Die Hard Records, e em território japonês pela Radtone Music.

Links relacionados:

Necropsya: Banda lançará música em espanhol



========


Que o NECROPSYA é uma banda que nunca teve medo de ousar, os fãs já estão cansados de saber. Mas novamente o grupo surpreende.

Aos que acompanham a carreira do grupo paranaense, já sabem que músicas em nossa língua pátria é algo comum, inclusive um dos destaques de seu repertório é a música 'Determinação', lançada no EP 'Bandas Fora da garagem'.

Agora a banda "refaz" esta música, não só com uma timbragem diferente, mas na língua de nossos 'hermanos'. Sim, 'Determinação' virou 'Determinación'.

Para quem se interessar, ela estará disponível primariamente na compilação 'BRazilian Xtreme Way MMXIII' que será lançada no dia 5 de agosto de forma gratuita na internet.

O grupo também prepara um novo trabalho e muito em breve deve anunciar mais detalhes sobre o formato e do que se trata. 

Contato para shows e merchandise: info@necropsya.net

Sites Relacionados:


========

Hibria: Confira baterista tocando Frank Sinatra!



========


Imagine Eduardo Baldo, um dos maiores nomes da bateria do Metal nacional da atualidade, tocando um clássico de um dos maiores - se não o maior - nomes do crooning/jazz de todos os tempos.

É uma versão somente com bateria do cover 'Live Until I Die', interpretado originalmente por Frank Sinatra, disponibilizada na edição especial do relançamento de 'Defying The Rules' no Japão, em 2009.

Eduardo explica melhor a ideia de lançar um vídeo deste tipo:

"Essa ideia surgiu quando gravamos o clipe da 'Shoot Me Down', onde eu quis aproveitar as imagens da bateria e montar um clipe só com essas imagens. Apresentei a ideia ao Daniel Laimer e ele propôs que fizéssemos um vídeo novo, de uma música mais curta. Foi então que sugeri a 'Live Until I Die', que é um cover muito especial e inspirador. A letra fala de curtir a vida ao máximo! É ouvir e sair chutando tudo!"


O vídeo foi gravado por Daniel Laimer e Pablo Escajedo.

Além de tocar no HIBRIA, Eduardo Baldo também ministra aulas de bateria. Para saber mais, entre em contato pelo email: eduardo@hibria.com

Ouça uma música:


Contato para shows: hibria@hibria.com

Sites relacionados:


========

HellLight: Banda disponibiliza megapacote promocional!


========


Celebrando o lançamento de seu quarto disco, 'No God Above, No Devil Below', na Europa, o HELLLIGHT montou um megapacote para seus fãs e amigos brasileiros.


Como o disco ainda não foi licenciado no Brasil e poucas peças vieram para nosso país, o grupo decidiu juntar todo seu material a venda e fazer esse pacotão para fã nenhum de Doom Metal botar defeito:

- 1 CD 'No God Above, No Devil Below'
- 1 CD '...And Then, The Light Of Counsciousness Became Hell'
- 1 CD 'Funeral Doom'
- 1 Camiseta oficial
- Adesivos

Tudo isso por R$80,00 mais despesas de envio. Lembrando que este pacote só é válido para o Brasil. Contato por email: fabio_helllight@hotmail.com

'No God Above, No Devil Below', foi gravado no Hell Inc Studios com produção do vocalista e guitarrista Fabio de Paula. Duas músicas do disco foram disponibilizadas para audição:



Quem preferir adquirir só o disco, 'No God Above, No Devil Below', já está à venda para todo o Brasil.

Contato para shows e merchandise: fabio_helllight@hotmail.com

Sites Relacionados:


========

Left Hand - Scientifical Plague (EP)

Independente - Nacional
Nota 9,0/10

Por Marcos Garcia


Thrash Metal de uma brutalidade bem extrema, com alguns toques de groove e rasgado, sem dó dos ouvidos não acostumados. E assim, o quinteto LEFT HAND, de Barra de São João, litoral norte do RJ, chega até nós com seu primeiro trabalho, o ríspido 'Scientifical Plague', um EP com 5 faixas de pura hecatombe sonora.

Ostentando uma boa técnica sonora, mas sempre priorizando a coesão sonora, o grupo consegue, mesmo sem buscar caminhos inovadores (e com ele, o título vazio de "salvadores do Metal"), fazer uma música empolgante e cheia de energia, com agressividade de doer os dentes. Vocais altamente rasgados, dupla de guitarras muito bem entrosado em riffs fortes e solos melodiosos e bem arranjados, baixo e bateria bem pesados, segurando com firmeza e técnica a base rítmica do grupo, sem deixar o peso de lado. Resultado: cuidado com seus ouvidos, mas se for do meio, é para ouvir no talo, sem pena de vizinhos modistas ou fanáticos religiosos.

Produzido pelos conhecidos Marcello Pompeu e Heros Trench (que já fizeram a produção de bandas como KORZUS, TORTURE SQUAD, HANGAR e CLAUSTROFOBIA), o EP soa cheio de energia e pesado, mas sem abrir mão de que cada instrumento soe audível e bem, com uma mixagem e masterização perfeitas.

Em termos de composição, o grupo acerta bem a mão, mantendo um bom nível sempre, com cada faixa com sua própria personalidade, sem que o nível caia, seja quando são rápidos ou mais refreados. 

O EP abre com a bruta e veloz 'Countdown for a Life', rascante e com momentos intensos e refreados de HC certos para pogo, com ótimos riffs e vocais, seguida por 'Scientifical Plague', faixa escolhida para vídeo de divulgação, uma muquetada pesada que segue a mesma linha da primeira, sobressaindo-se o forte trabalho de baixo/bateria e os backing vocals fortes. A bateria novamente se destaca em 'Fire of Straw', já um pouco mais cadenciada, empolgante e pesada, mais uma vez com as cordas mandando ver. Já 'Last Bitter Tear' é um pouco mais cadenciada e azeda, evidenciando muito a boa dicção dos vocais, mesmos elementos de 'Submission', empolgante e com alguns toques de groove aqui e ali, fora a participação de Pompeu nos backing vocals.

Realmente, uma banda surpreendente, e que promete bastante em termos de música. E esperemos que venha logo um Full-Length com esse quinteto insano, embora seus vizinhos venham a reclamar intensamente pela aporrinhação e seus ouvidos fiquem apitando por longo tempo. E, em uma cortesia da banda, o EP que pode ser baixado aqui, mas preparem-se: vão ouvir, viciar e querer o CD físico!!!



Tracklist:

01. Countdown for a Life
02. Scientifical Plague
03. Fire of Straw
04. Last Bitter Tear
05. Submission


Formação:

John Lenhador - Vocais
Gill Chicano - Guitarras
Rafael Souza - Guitarras
Rubens de Moraes - Baixo
Hugo Castor - Bateria



Contatos:


Blakk Market: Pela primeira vez no festival River Rock



========


A banda catarinense BLAKK MARKET fará sua primeira apresentação no tradicional “River Rock”, um dos maiores festivais underground do país, no sábado, dia 10 de agosto, na cidade de Indaial (SC). Esta estreia será ao lado de nomes consagrados como Sepultura, A Sorrowful Dream, Claustrofobia, Rhestus, Khrophus e Shadow of Sadness. 

"É uma honra podermos participar dessa edição que reúne grandes nomes da cena metal nacional", comentou Felippe Chiella, baixista do KK. Na apresentação, a banda tocará faixas do primeiro full-lenght "Self-improvement: Suicide", além de novas composições. "Continuamos com a dobradinha peso/melodia do álbum. Agora, depois do primeiro CD e com a banda entrosada, prometemos quebrar tudo no River. A putrefação, como sempre, é garantida", dispara o guitarrista Alexandre Schneider, fazendo alusão à faixa "Putrefaction Guaranteed", uma das mais pedidas pelo público.



O festival será realizado em Indaial pela 13ª vez. O show do KK acontece no sábado pela manhã e será a estreia oficial do novo integrante Marcelo Balbuena, que assumiu a bateria em definitivo no mês de julho desse ano.


“13 º River Rock Festival”





Ouça:

“The Wheel Keeps Turning”: http://bit.ly/VGoCPa 
“The Dawn of the Dead”: http://bit.ly/UklPuS


Contatos:

MySpace: www.myspace.com/blakkmarket     
Assessoria e Shows: contato@wargodspress.com


========

Aborted: Fascinação doentia por seriais killers e misantropia




========


A revista virtual HELL DIVINE (que é totalmente gratuita e pode ser lida aqui: http://issuu.com/helldivinemagazine/docs/hell_divine_n15_isuu) está lançando sua 15º edição, estampando na capa um dos grandes nomes do Death Metal, os belgas do ABORTED. Em um bate papo realizado com o vocalista Sven de Caluwé, foram abordados temas referentes ao novo álbum, “Global Flatline” e a influência de filmes de terror muito bem retratados no encarte, onde o vocalista revelou sua fascinação por assuntos, digamos, doentios. Sven também explicou que, por morar em Israel, ele e a banda acabam fazendo tudo pela internet, algo comum nos dias de hoje.

Confira um trecho do bate papo:

HELL DIVINE: Você considera “Global Flatline” o melhor álbum da carreira? Por quê? Como você o descreveria?

SVEN DE CALUWÉ: Melhor é uma estranha escolha de palavras para descrever seus próprios álbuns. Eu, definitivamente, diria que é um dos meus favoritos do Aborted. Ele tem a intensidade e a brutalidade dos outros discos, sem ter que fazer nenhuma concessão na hora de cantar, sendo que os cantos se encaixaram em termos de agressão. Estamos satisfeitos com ele e mal posso esperar para escrever o próximo.


HELL DIVINE: Como a banda teve a ideia de fazer uma espécie de homenagem aos antigos filmes de horror no encarte?

SVEN DE CALUWÉ: Pois é, todo o álbum e o universo da Aborted são uma homenagem ao horror dos anos oitenta e à minha fascinação doentia por “seriais killers” e misantropia.


HELL DIVINE: Você mora em Israel atualmente, certo? É difícil ensaiar com o ABORTED, que original é da Bélgica, mas que conta com outros integrantes de diferentes países?

SVEN DE CALUWÉ: Nós não ensaiamos, fazemos as coisas pela Internet. Os integrantes treinam constantemente e, aí, nós praticamos por uma semana ou alguns dias antes de tocar em shows ou fazer uma turnê. É o único jeito de fazer as coisas funcionarem com pessoas espalhadas por três continentes.


Leiam também entrevistas com Fueled By Fire, Hatriot, Woslom, Kalmah, Andralls, Flesh Grinder, Patria e com Carlos Fides, artista gráfico.

Ao todo são 52 páginas, contendo diversas colunas, além de resenhas de CDs, DVDs, GAMES e shows. A revista está disponibilizada em formato PDF, mas, pode ser visualizada na tela sem necessidade de download. Para fazer o download gratuito da revista, acesse o link informado abaixo; para abrir o arquivo PDF em seu computador, é obrigatória a instalação do programa ACROBAT READER, que pode ser baixado gratuitamente através do site: http://get.adobe.com/br/reader



Contatos:

Assessoria de Imprensa: contato@wargodspress.com


========

Aneurose: capa de debut revelada


Após a boa repercussão de "Hunting Knife", primeiro single do debut album da Aneurose, a banda mineira revela a capa deste primeiro full length, intitulado "From Hell". O vocalista Wall Almeida comentou sobre a arte: "Quando nosso parceiro Marco Carvalho nos mostrou o esboço não precisou explicar nada. A capa ficou exatamente o que esperávamos, pois define o som que captamos para o disco: nervoso, explosivo, enérgico, de impacto. 

Simplesmente "from hell".


O CD de "From Hell" tem previsão de lançamento para setembro.

Assista ao clipe de "Hunting Knife":


Curta a página oficial da banda no Facebook:

Soulfly e Suicidal Tendencies no Rio de Janeiro


========


A Blog N Roll confirmou o show dos veteranos norte-americanos do SUICIDAL TENDENCIES no dia 27 de Agosto no Rio de Janeiro (Circo Voador). A banda irá dividir o palco com outra grande atração da noite: o SOULFLY.


O SUICIDAL TENDENCIES foi formado em 1981 e desde então só não ficou na ativa entre os anos de 1995 e 1997, quando deu um tempo. São nove discos de estúdio e músicas como “Institutionalized”, “Possessed”, “Go Skate” e “Cyco Vision”. A banda original do atual baixista do Metallica (Rob Trujillo)e liderada pelo vocalista Mike Muir, está em turnê divulgando seu novo álbum “13”. O novo trabalho do Suicidal Tendencies conta com 13 músicas inéditas e quebra o jejum de 13 anos sem lançar um álbum de estúdio.



Serviço completo:

Evento: Soulfly e Suicidal Tendencies


Dia: 27 de Agosto de 2013
Horário: 21:00 (show) – 20:00 (portas)
Local: Circo Voador
Endereço: Rua dos Arcos – Lapa Rio de Janeiro – RJ.
Classificação etária: 16 anos.

1º lote: R$ 80,00 (meia-entrada)
1º lote: R$ 160,00 (inteira*)
2º lote: R$ 90,00 (meia-entrada)
2º lote: R$ 180,00 (inteira*)
Porta: R$ 100,00 (meia-entrada)
Porta: R$ 200,00 (inteira)

* Assinantes O Globo tem direito à meia entrada
* Leve 1 Kg de alimento não-perecível e tenha direito à meia entrada

Vendas Online:
http://novosite.ingresso.com/Home

Pontos de venda:

Bilheteria do Circo Voador
Bangu - Underground Rock Wear: 3159-4354
Caxias - Rock For You: 9420-8796
Flamengo - Hard n' Heavy: 2552-2449
Ipanema - Sempre Música: 2523-9405
Niterói - Dark Age: Niterói 2620-7888
Tijuca – Scheherazade: 2569-1250

Mais informações:



========