9 de fev de 2015

Metacrose – InTerrorGate (CD)

Independente
Nota 9,5/10,0

Por Marcos "Big Daddy" Garcia



A criatividade das bandas brasileiras das gerações mais novas realmente anda em proporções assustadoras. Algumas até ousam fugir de modelos tradicionais em prol de algo mais novo, em busca de uma personalidade sólida que os faça sobressair ao grande número de clones que infestam a cena em âmbito mundial. E é de surpreender o descaso do público no Brasil com bandas mais inovadoras, que querem quebrar barreiras. E o METACROSE, de João Pessoa (PB) é um excelente nome novo, pois seu disco de estréia, “InTerrorGate”, é surpreendente.

O quinteto segue uma linha de Death Metal mais tradicional com alguns inserts energéticos de Thrash Metal, se diferenciando de muitos pelo uso de solos melodiosos à lá NWOBHM e estruturas harmônicas não convencionais ao gênero, e com um nível técnico de saltar os olhos. Esses alquimistas misturam vocais urrados do melhor estilo, mais guitarras excelentes em riffs e solos bem diferentes de tudo que estamos acostumados, uma base rítmica sólida e com boa técnica. E, além disso, ousam usar flautas (com uma contribuição especial de Nívea Maria Santos) em canções como “What’s Wrong With Killing?”, “How Can I Know Who I Am?” e “Interiorem”, e violoncelo (participação especial de Thomas Rodrigues) também em “Interiorem”. E sim, eles mostram, na marra, que possuem personalidade muito forte.

Produzido, mixado e masterizado por Victor Hugo Targino, ele conseguiu tirar o máximo possível da banda, e ao mesmo tempo, dar uma qualidade sonora que fosse brutal e agressiva, mas ao mesmo tempo em que soe clara durante todo o CD. Não poderia ser de outra forma, pois este disco precisa soar com clareza, para que os detalhes da técnica musical deles não sejam perdidos. E a apresentação gráfica passa por capa e contracapa bem simples, mas no encarte, a bela surpresa: cada integrante ganha uma imagem em quadrinhos personalizada, dentro do contexto lírico que a banda utiliza.

Metacrose
O METACROSE tem por maior qualidade justamente querer ser diferente, mesmo fazendo um gênero já tão exaurido. E se sai bem na empreitada, porque “InTerrorGate” mostra uma banda ousada, que ainda pode render bem mais. Mas no momento, já é capaz de criar um trabalho diferenciado, com ótimos arranjos e longe do mais do mesmo que já saturou a paciência alheia.

O CD já abre com a fantástica “What’s Wrong With Killing?”, cheia de momentos mais emotivos, presença de flauta e duetos de guitarra à lá IRON MAIDEN bem feitos, seguida de “Is This Democracy?”, mais brutal e opressiva, mas com boa técnica e belo trabalhado de baixo e bateria. Uma introdução acústica abre “How Can I Know Who I Am?”, faixa bem opressiva, mas se sente uma clara incorporação de elementos melodiosos e do Thrash Metal, e mais algumas coisas de música regional do Nordeste do Brasil e mesmo Jazz, e nos solos de guitarra, a presença especial de Marcus Siepen, do BLIND GUARDIAN. “Are You the Truth?” mais uma vez mostra o lado mais melodioso da banda em suas guitarras, tanto nos riffs quanto nos solos, quase uma música de Metal tradicional com ótimos vocais guturais, o mesmo acontecendo em “What is Established?”. Outra que é introduzida por violões muito belos é “Zé do Caixão”, que como o nome sugere, é uma homenagem ao querido personagem de José Mojica Marins (que inclusive participa da faixa com uma narrativa), cantada em português, em uma faixa mais soturna e com momentos cadenciados ótimos. “Interiorem” é uma melodiosa instrumental, onde temos o violoncelo belíssimo, mas é bem curta, para introduzir “Just Enough Rope”, outra faixa de andamento mais em meio tempo, pesada e bem azeda, com ótimos vocais, cheia de tempos quebrados. E “Why Should He Live?” segue a mesma linha, só sendo apenas um pouco mais melodiosa. Fechando, “Exteriorem”, outra instrumental que nos deixa com vontade de começar a ouvir o disco novamente.

Belíssimo trabalho, uma banda que merece menções honrosas e aplausos.



Músicas:

01. What’s Wrong With Killing? 
02. Is This Democracy? 
03. How Can I Know Who I Am? 
04. Are You the Truth? 
05. What is Established? 
06. Zé do Caixão 
07. Interiorem
08. Just Enough Rope 
09. Why Should He Live?
10. Exteriorem


Banda:

Vinicius Laurindo – Vocais 
Israel Rêmora – Guitarras 
Thiago Bandeira – Guitarras 
Marcos Meireles – Baixo 
Deathmetrius Pedrosa – Bateria 


Contatos:

Rivendell Radio & Press (Assessoria de Imprensa)

Heavy Metal On Line: programa #54 com Noturnall, Necrobiotic & Coldblood




Seguindo nosso objetivo em 2015, de deixar nosso programa com temas jornalísticos, além de divulgar bandas e outros fatos do metal nacional, chegamos ao programa 54. Desta vez destacamos duas matérias interessantes, uma sobre o Evisceration Metal Fest, que aconteceu na Bahia e deu um prejuízo em torno de 22 mil reais para os organizadores, além do fatídico caso da briga envolvendo as bandas Test e Amazarak.


Mas não poderíamos deixar de dar destaque as bandas entrevistadas, que foram o Coldblood, o Necobiotic e meu bate papo com o Thiago Bianchi do Noturnall em sua passagem pela cidade de Governador Valadares. 

Confira mais um programa e divulgue para seus amigos que ainda não conhecem o Heavy Metal On Line.



A/C Clinger Carlos

Unearthly: novo videoclipe nesta terça-feira!




O primeiro videoclipe retirado do novo trabalho dos Brazilian Devils, ‘The Unearthly’, será lançado nesta terça, dia 10 de fevereiro.

O clipe, para a música ‘The Sin Offering’, estará disponível às 14h (horário de Brasília) no canal oficial do UNEARTHLY no You Tube.

Mais uma vez a banda trabalhou com a CSMusic Videos, um dos principais nomes da América do Sul quando o assunto é vídeos de Música Pesada. Confira a ficha-técnica da produção:

Direção: Vinicius Hozara
Direção de fotografia: Paulo Barros
Iluminação: Victor Pinheiro
Contra-regra: Douglas Araujo


A banda continua promovendo ‘The Unearthly’ e agora segue para Europa onde se apresentará em 31 datas entre os meses de fevereiro e março, passando por países como Rússia, Polônia, Alemanha, Holanda, Bélgica, França, Suíça, República Tcheca, Eslováquia, Lituânia, Letônia e Estônia.

Para comprar ‘The Unearthly’ pelo site da Shinigami Records, com várias opções de pagamento, visite: http://goo.gl/Dg623u


Sites Relacionados:



Fonte: Metal Media

09/02/2015: Metal Media Management



On Fire: datas disponíveis para turnê europeia


A Agência ON FIRE está disponibilizando vagas para turnê pela Europa nos meses setembro, outubro, novembro e dezembro deste ano.

Lembrando que a ON FIRE só trabalha com bandas de Thrash, Death e Grind. Vale ressaltar que é exigido que as bandas candidatas devam ter pelo menos um álbum completo e um videoclipe.

Interessadas, podem entrar em contato pelo e-mail: onfirebookingagency@gmail.com

A empresa já levou para o Velho Continente bandas como: EXECUTER, ANDRALLS, WOSLOM, IMMINENT ATTACK, CLAUSTROFOBIA, KAMALA, FORKA, HARLLEQUIN, DISGRACE AND TERROR, DESALMADO e ASTAFIX.

A ONFIRE BOOKING AGENCY surgiu em 2011, idealizada pelo músico Alexandre ‘Xandão’ Brito, baterista da já conhecida banda Andralls, aproveitando todo seu grande contato pelo continente, tem como objetivo o agendamento de shows/turnês na Europa.

A agência possui van própria, backline, motorista e Tour Manager. Mais informações: www.facebook.com/onfireagency



Hammurabi: Uila Max e Leandro Gavazzi no segundo teaser do novo trabalho


Depois de aguçar nossa curiosidade com o primeiro teaser focado no vocalista Daniel Lugondi comentando sobre o novo single, agora é a vez dos músicos Uila Max e Leandro Gavazzi deixarem suas impressões sobre o vindouro ‘The Emperor Returns to the Front’.

O novo teaser, assim como o anterior, ficou a cargo de Willians de Abreu da Lab Brain Filmes (www.williansdeabreu.com). Confira:


Para quem ainda não assistiu ao primeiro teaser, pode fazê-lo aqui:


‘The Emperor Returns to the Front’ é esperado para o início de março em formato virtual. O HAMMURABI acaba de anunciar também que o single – e o vindouro clipe para a mesma música – conta com a participação de Dick Siebert, baixista da tradicional banda paulista de Thrash Metal, Korzus.


O single marca não apenas o retorno do grupo ao mercado, mas também é a estreia da nova formação que conta com Uila Max e Leandro Gavazzi ao lado do fundador Daniel Lugondi.

Capa, data de lançamento e mais detalhes sobre ‘The Emperor Returns to the Front’ serão anunciados em breve.


Sites relacionados:



Revolted: ouça o novo álbum na íntegra!


Apresentando seu novo website, o REVOLTED acaba de disponibilizar seu mais recente álbum, o aclamado ‘Revolutionary Order’, para audição gratuita.

Para ouvir o disco completo, visite:


Lançado no ano passado, ‘Revolutionary Order’ foi gravado no estúdio Grafton e produzido por Junior Xavas, Xavier Collard e a própria banda. Para mixagem e masterização, o disco viajou para a França onde Xavier Collard no SteelMind Studios finalizou o trabalho. Já a arte da capa e encarte ficou a cargo do músico e artista Thiago Andrade (ex-Deadly Curse, atual Fanttasma e Abstrakta).


A distribuição do material digital está sendo feita em parceria com Metal Media Digital Music. O álbum pode ser comprado nas principais lojas de venda digital ou diretamente pelo link: http://goo.gl/OUGOET. O álbum também está disponível para streaming no Spotify, Deezer, entre outros.

Quem preferir comprar o material em formato físico, também pode fazer pelo Facebbok e e-mail da banda.


Sites relacionados:



Luís Kalil: confira apresentação do guitarrista na maior feira de música dos EUA


Com apenas 15 anos de idade o guitarrista Luís Kalil realizou o sonho de muitos músicos: se apresentou na maior feira de música dos Estados Unidos, a NAMM Show, nos stands da Laney e ESP.

“É muito gratificante todo o resultado positivo que tive com essa apresentação. Ver o pessoal da ESP gostar e se orgulhar do meu desempenho ao vivo, é fantástico. Mas o mais legal foi ver a receptividade vinda do público em cima das músicas do meu disco, era isso que eu realmente buscava, pois o objetivo do meu trabalho não é fazer música para mostrar que eu sei tocar rápido e tenho uma técnica apurada, mas sim composições com melodia que querem dizer algo ao ouvinte, com técnica, mas na dose certa, tornando, assim, uma coisa assimilável até para a pessoa que não toca guitarra. Quero que quando a música acabe o ouvinte tenha vontade de escutar novamente por prazer e não para ver se eu sei ou não tal técnica”, comentou o jovem músico.

Um vídeo com um trecho da apresentação no stand da ESP foi disponibilizado, confira:


Missão cumprida com êxito! Agora LUÍS KALIL foca na fase final de preparação para o lançamento de seu primeiro disco, que conta com a produção de outro dos grandes nomes da guitarra no Brasil: Renato Osorio, guitarrista do Hibria. O material contará com 8 faixas e participação de grandes nomes do Metal nacional. Em breve mais informações.

Assista a um vídeo do guitarrista gravando para seu álbum:



Sites relacionados:



Blackning: Cleber Orsioli totalmente focado no grupo


O vocalista e guitarrista Cleber Orsioli ganhou notoriedade durante sua passagem pelo Andralls onde lançou o ótimo ‘Breakneck’ e o DVD ’15 Years Breaknecking – Live in Belém’, mas foi com seu novo projeto BLACKNING que vem se encontrando como músico. E agora este será totalmente seu foco principal após oficializar seu desligamento do Andralls.

“Só tenho a dizer à galera que me apoia um muito obrigado, pois fiz ótimos amigos na estrada durante meus anos em que toquei com eles. Só estou oficializando o que já estava rolando há tempos, desde a pausa da banda, mas desejo a eles muita boa sorte!”

Trabalhando ao lado de Francisco Stanich, Elvis Santos e claro, Cleber, a BLACKNING acaba de lançar seu primeiro disco ‘Order Of Chaos’ que já vem chamando a atenção da mídia.


Prova disso foi o comentário do site polonês Old School Metal Maniac sobre o disco: “Todas as músicas aqui são perfeitamente equilibradas – elas são violentos tiros na cara, mas ainda sim são bem compostas e apresentam abundância de riffs fantásticos.”

A BLACKNING segue na divulgação do álbum e em breve anunciará as primeiras datas da turnê de promoção de ‘Order Of Chaos’.

Um videoclipe também foi lançado, assista:



Sites relacionados:



Fonte: Metal Media

Loja Megaforce: a Meca dos headbangers gaúchos




Lançado oficialmente na 60º Feira do Livro de Porto Alegre no ano passado, o livro “Tá no Sangue! – A História do Rock Pesado Gaúcho – Parte 1” (400 pág.), como o próprio nome sugere, mergulha fundo na história do Rock Pesado Gaúcho dos seus primórdios até 1989, destacando, além das inúmeras bandas que desbravaram o som pesado naquela época, suas principais lojas, bares, shows e festivais, com depoimentos de músicos, lojistas e públicos em geral, que ajudaram a escrever esta história com muito suor e amor.

Inicialmente o livro contaria toda a história, desde o seu início até os dias atuais, porém, devido a grande quantidade de material coletado (foram cerca de 200 entrevistas e muita pesquisa), decidiu-se dividir esta verdadeira saga em uma trilogia, garantindo assim o espaço necessário para contar tantas aventuras e feitos nestas cerca de cinco décadas de história. E um dos assuntos que mais chamam a atenção de quem viveu intensamente a década de 80 foi o surgimento da loja MEGAFORCE, local fundamental para a formação musical dos jovens gaúchos.

Foto: Ademir na frente da Megaforce

Megaforce: Muito mais do que uma loja

O dia 2 de fevereiro de 1984 marcou a cena gaúcha de forma profunda, mesmo que inconscientemente. Trata-se da data de inauguração da Megaforce, a primeira loja exclusivamente de Heavy Metal de Porto Alegre. A pequena loja ocupava dois pisos do Centro Comercial Independência, tornando-se local de peregrinação dos jovens headbangers da década de 80, que além de adquirem LPs - que na época era o sonho de consumo da gurizada - também buscavam as famigeradas gravações de fita K7, formando assim uma turma unida, apesar das diversidades financeiras e até pela distância do interior para a capital. Muitos viajavam horas para ir comprar apenas algumas fitas K7! As atividades, entretanto, iam muito além, já que aos sábados eram exibidos VHS de shows no segundo piso, e a troca e compra de “figurinhas” (recortes de matérias e fotos de revistas) era uma constante.

Eram precisamente das mãos de Ademir Kessler, proprietário da Megaforce, e do seu sócio Jefferson Bellio, o Féfi, que chegavam aos interessados as novidades fonográficas mais pesadas editadas fora do estado e do país. “Descobrimos a Megaforce e nossos problemas acabaram, ou começaram... não sei bem, porque queríamos torrar todo e qualquer tostão lá. No início era Slayer, Venom e Exodus. Nossa! Apaixonei-me por Slayer. A grana era mirrada para poder comprar um LP. Quando podia comprar, dez gravavam, sabe como é, podia não haver uma próxima chance. Outro fato legal eram as trocas de fotos e reportagens que a gente fazia, aos sábados pela manhã, no Centro Comercial Independência. Caramba! Juntava uma vasta galera, de todos os gostos. Quantas vezes deixei de comer para comprar fotos do Slayer. Mas valeu! Também a gente aproveitava para ficar pela Megaforce para ouvir som, ver vídeos e marcar a hora do boteco”, contou Mara Slayer em depoimento para o livro.

Para ler mais depoimentos e outros textos e talvez relembrar alguns acontecimentos, acesse o site oficial www.tanosangue.net, e para quem quiser adquirir o livro e conferir tudo o que se passou na cena gaúcha até 1989, basta conferir os locais de venda em http://tanosangue.net/site/comprar ou entrar em contato através do e-mail projetolivrors@gmail.com (o custo do livro + correio é de R$ 43,00 no total).


Contatos:
Site oficial: www.tanosangue.net



Arch Enemy visita bar de rock em SP




Vários integrantes do Arch Enemy deixaram o Carioca Club em (SP), onde se apresentaram na noite de sábado (07), e foram para o Manifesto Bar, tradicional ponto de encontro de fãs de Rock da cidade. A casa, que existe há mais de vinte anos, se tornou parada obrigatória dos músicos estrangeiros e muitos já desfrutaram de suas longas e agitadas noitadas. Eles conheceram as dependências do bar, tomaram algumas caipirinhas, atenderam vários fãs e curtiram o som que rolava no Secret Room.

Além da galera do Arch Enemy, integrantes de bandas como Deep Purple, Scorpions, Metallica, Iron Maiden, Saxon, Skid Row, Motörhead, Winger, Megadeth, Rainbow, Red Hot Chilli Peppers, Marillion, Manowar, Helloween, Ramones, entre muitas outras, também se divertiram no Manifesto Bar quando passaram pelo Brasil para realizar shows.


O Arch Enemy promove seu mais recente e aclamado disco, “War Eternal” (2014), e após uma pequena folga segue com sua turnê pelo mundo deixando saudade nos fãs brasileiros.

A programação semanal do Manifesto Bar conta com shows de bandas autorais, tributos e DJs residentes, convidados e personalidades no ‘Secret Room’.

O Manifesto Bar fica na Rua Iguatemi, 36, no bairro do Itaim Bibi, em São Paulo/SP. Contato: (11) 3168-9595 / E-mail: info@manifestobar.com.br. Site: www.manifestobar.com.br



A/C Damaris Hoffman
marketing artistico/entretenimento
Cel: +5511-987916446
Cel: +5511-77912363
Nextel ID: 55*966*13116

Concurso seleciona guitarrista do Nordeste para jam com Marty Friedman





O Concurso Cultural “GUITARRA DO SERTÃO” é uma iniciativa desenvolvida pela SNS Produções em parceria com a Furia Music Produções, e com apoio cultural da loja Nova Music (Caruaru-PE) e da Carauru Web Radio, que tem como objetivo dar oportunidade e reconhecimento aos talentos de todo Nordeste brasileiro.

Seja o guitarrista do litoral, do agreste ou do sertão Nordestino, o concurso visa incentivar a cultural da região e proporcionar o intercâmbio musical.

Basta gravar um vídeo tocando qualquer solo ou riff do guitarrista Marty Friedman e enviar sua inscrição para o e-mail concurso@caruaruwebradio.com , contendo:

- Nome completo
- Endereço residencial
- Telefone
- Endereço de e-mail 
- Link do vídeo no Youtube
- Uma foto a ser usada na divulgação do concurso

O concurso vai até o dia 05 de março de 2015, e os três melhores se apresentação ao vivo no dia 13 de março no SESC Caruaru, fazendo a abertura do evento do Marty Friedman na cidade. O vencedor leva pra casa um vale presente no valor de R$500 da loja Nova Music e também terá a oportunidade de fazer uma jam com o marty Friedman.

Baixe o regulamento:


Quem será o guitarrista brasileiro que vai representar o Nordeste e tocar com o Marty? Boa sorte a todos participantes!

Informações do workshow do Marty Friedman em Caruaru:

Marty Friedman - Workshow em Caruaru PE
Data: 13/MAR/2015 
Horário: a partir das 18h 
Local: SESC CARUARU
Rua Rui Limeira Rosal s/n, Bairro Petrópolis, Caruaru
Abertura: Douglas Jen e final do concurso cultural Guitarra do Sertão
Produção: SNS Produções
Informações: info@furiamusic.com.br

Ingressos:
1o Lote: ESGOTADO!

2o lote: 
Cadeiras (Estudante e Meia) R$60
Cadeiras (Promocional antecipado) R$60
Cadeiras front stage + Meet & Greet R$120

Pontos de Venda:
Nova Music e Estudantil Musical

Ingressos Online: