14 de mar de 2013

Makinária Rock - Cidade Rock (CD)


Independente - Nacional
Nota 8

Por Marcos Garcia

Exstem trabalhos que, por serem mais voltados às raízes de estilos musicais antigos, conseguem dar um gás novo em fórmulas que o tempo já erodiu. E o Rock, com suas mais de 5 décadas de vida, recebe vez por outra, de braços abertos, trabalhos mais voltados à sua simplicidade inicial, à sua voracidade musical despojada e forte, e o MAKINÁRIA ROCK, de São Paulo, consegue se sair bem com seu Full Length 'Cidade Rock'.

Obviamente, o título é uma homenagem a São Paulo, a cidade com cena Rock mais forte, mas sem desprezar outras cidades e cenas nacionais (por favor, não se apeguem a bairrismos vazios), e a proposta sonora do grupo é fazer um Rock'n'Roll pesado e cheio de energia, resgatando as letras em nossa língua nativa (e assim, se tornando acessível ao grande público nacional que o estilo tem), e este Power Trio se saiu bem, com guitarras apresentando bons riffs bem crus e solos cheios de energia, baixo vibrante e pesado, bateria com peso e trabalho não muito complexo, além de vocais competentes. A banda prima por fazer um trabalho homogêneo, privilegiando a música e não egotrips musicais desnecessárias que apenas tornariam o trabalho musical insoso.

A produção, feita pelas mãos de Renan Lemos, Leandro Oliveira e do próprio grupo deixou a produção bem gordurosa e abafada, privilegiando bastante o clima artesanal que o trabalho transpira, ou seja, temos aquela produção sonora crua e essencial ao estilo. A parte visual do trabalho é bastante simples, em consonância com o que a música do grupo transpira.

E falando em música, 'Cidade Rock' é um disco que vicia logo nas primeiras audições, e como um todo, o CD é extremamente agradável, tendo como destaques a ótima 'Mákinária Rock', um Rock'n'Roll bem pesado, cru e pegajoso, com ótimo refrão e bons vocais; 'Cidade Rock' segue a mesma linha da primeira, só que com bons arranjos de guitarras e bateria; a mais rápida 'Magrela', com muita energia e novamente o baixo se sobressai; a mais acessível 'Interessa', com um andamento mais moderado e vocais bem legais; a forte 'Hora do Pico', mais cadenciada e bem visceral; e a versão de 'Pão com Cerveja', dos veteranos mais sacanas do Rock nacional, VELHAS VIRGENS, que ficou em uma versão bem personalizada do trio, sem desrespeitar a original.

Bom é apelido para este CD...



Tracklist:

01. Acorda (intro)
02. Makinária Rock
03. Cidade Rock
04. Rock'n'Roll
05. Magrela
06. Interessa
07. Hora do Pico
08. Rotina
09. Pão com Cerveja (Velhas Virgens)


Formação:

Carlos Digger- Vocais e bateria
Renato Skyfuncker - Baixo
Luis Takeo - Guitarras




Contatos:





Comentário(s):