24 de dez de 2016

DORO - Strong and Proud - 30 Years of Rock and Metal (Triplo DVD)


2016
Nacional


Tracklist:

Disco 1:

“30 Years Anniversary Show - Wacken Open Air”:

1. Intro
2. Wacken Anthem (We are the Metalheads)
3. Burning the Witches
4. East Meets West (participação especial: Chris Boltendahl)
5. Raise Your Fist in the Air
6. Hellbound
7. Revenge
8. Earthshaker Rock
9. Breaking the Law (JUDAS PRIEST cover) (participação especial: Phil Campbell)
10. All We Are (participação especial: Eric Fish, Joakim Brodén & CORVUS CORAX)  

“30 Years Anniversary Show - Classic Night”:

11. Touch of Evil
12. On the Run
13. Fear of the Dark (IRON MAIDEN cover) (participação especial: Blaze Bayley)
14. The Night of the Warlock
15. You’re My Family
16. Above the Ashes
17. Beyond the Trees
18. Hero
19. Princess of the Dawn (ACCEPT cover) (participação especial: Udo Dirkschneider)
20. Dancing With an Angel (participação especial: Udo Dirkschneider)
21. Hard Rock Hallelujah (LORDI cover) (participação especial: LORDI)  
22. Love Me in Black
23. Für Immer (Mix Clip Classic Night/Rock Night)

“30 Years Anniversary Show - Rock Night”:

24. Raise Your Fist in the Air
25. Save My Soul
26. Running from the Devil
27. Without You
28. East Meets West (participação especial: Sabina Classen)
29. Rock Till Death (participação especial: Hansi Kürsch)  
30. Bad Blood (participação especial: LORDI)
31. Denim and Leather (SAXON cover) (participação especial: Biff Byford)
32. Out of Control
33. Wacken Anthem (We are the Metalheads)  
34. Metal Racer  
35. Herzblut  
36. Burn It Up  
37. Balls to the Wall (ACCEPT cover) (participação especial: Udo Dirkschneider)
38. All We Are


Disco 2:

1. Behind the Curtain – Inside the Heart of Doro
2. Strong and Proud – 30 Years of Rock and Metal


Disco 3:

Bonus Tracks:

“30 Years Anniversary Show - Classic Night”:

1. Celebrate
2. Burn It Up  
3. Breaking the Law (Judas Priest cover)  
4. All We Are  
5. Metal Racer  

“30 Years Anniversary Show - Rock Night”:

6. True As Steel  
7. Evil  
8. Egypt (The Chains Are On) (Dio cover) (participação especial: Chris Caffery)  
9. Revenge  
10. Hellbound  
11. You’ve Got Another Thing Comin’ (Judas Priest cover) (participação especial: Biff Byford)  
12. Fight  
13. Drum Solo  
14. Ich Will Alles (participação especial: Andy Brings)  
15. Metal Tango  
16. Unholy Love  

“30 Years Anniversary Show - Wacken Open Air”:

17. Metal Tango (participação especial: Eric Fish & Frau Schmitt)  
18. Drum Solo
19. Für Immer (participação especial: Uli Jon Roth)

“Rock Hard Festival 2015”:

20. Hellbound  
21. Für Immer  

“Russia Tour 2015”:

22. Touch of Evil  
23. I Rule the Ruins


Banda:


Doro Pesch - Vocais
Bas Maas - Guitarras
Luca Princiotta - Guitarras, teclados
Harrison Young - Teclados
Nick Douglas - Baixo
Johnny Dee - Bateria


Contatos:

Facebook (Oficial em alemão)
Twitter


Nota:

10/10

Texto: Marcos “Big Daddy” Garcia


Alguns músicos, com o passar dos anos, vão crescendo em popularidade e se tornando mais que meros membros de suas bandas. Estes se tornam celebridades, personalidades populares que inspiram as pessoas. No Heavy Metal como um todo, esse tipo de evento é ainda mais intenso, pois é comum surgir uma ligação forte entre o fã e a celebridade, mesmo que o segundo nunca venha a conhecer o primeiro. E quando falamos de mulheres no Metal, nenhuma é tão querida e inspiradora como a Metal Queen Doro Pesch, veterana do cenário alemão e que ganhou o mundo com seus trabalhos com WARLOCK e DORO, e cujo carisma e simpatia angariou imensas legiões de fãs por todo o planeta. E a Shinigami Records, em parceria com a Nuclear Blast Brasil, nos presenteia com o triplo DVD “Strong and Proud - 30 Years of Rock and Metal”. Sim, triplo DVD, uma iniciativa ousada em termos de mercado no Brasil, digamos de passagem.

Esse pacote celebra os 30 anos de carreira de Doro Pesch, com sets de 3 shows: Wacken Open Air de 2013, e duas noites comemorativas em Düsseldorf, cidade natal da moça, sendo uma acompanhada por um orquestra (“Classic Night”), e a outra já voltada para a banda e seus convidados (“Rock Night”). Mas também existem takes de outros locais, como o Rock Hard Festival e na tour russa de 2015. 

O que a banda DORO faz musicalmente é o bom e velho Metal alemão com uma boa dose de acessibilidade musical, o que permite que a música do grupo tenha um enorme alcance e atinja pessoas que nem mesmo sabem da existência da banda se tocarem em rádios (algo bem raro nos dias de hoje). E o mais interessante é justamente que a qualidade do estúdio não é perdida ao vivo, muito pelo contrário: a performance do grupo ao vivo é absurda, cheia de energia, com muita movimentação e carisma em nível quase que divino. Mas falamos de Doro Pesch, uma musca e diva que sempre primou pela qualidade em tudo que faz, e que pertence a uma geração onde fazer ao vivo o que se faz no estúdio é uma obrigação.

A produção é impecável. Os takes de câmeras são todos muito bem escolhidos, especialmente no que tange aos shows em Düsseldorf, já que um ambiente mais intimista permite uma interação banda-público bem mais intensa. E nisso se percebe o quanto foram caprichosos em termos sonoros, já que se pode perceber as pessoas cantando e batendo palmas sempre, algo em que alguns discos ao vivo falham, mas não DORO. Não, aqui a qualidade é abusiva de tão boa, algo que Thomas Kreidner e Leonard Loers. A arte foi caprichadíssima, com uma capa fenomenal, focando em Doro, e o encarte é cheio de fotos ótimas, com direito a uma sessão onde Lemmy e Dio são homenageados.

Nos DVDs, como dito acima, existem prioritariamente 3 shows: Wacken, em 2013 (que foi o show de abertura da tour comemorativa dos 30 anos de carreira de Doro), e duas noites em Düsseldorf (02 e 03 de Maio de 2014). E em todas, como de costume em uma festa de aniversário que se preze, muitos convidados de primeira linha, já que além de músicas próprias, muitos covers são tocados. A lista é grande, mas vemos nomes conhecidos, como Chris Boltendahl do GRAVE DIGGER, Eric Fish, Joakin Brodén do SABATON, Blaze Bayley, Udo Dirkschneider, Sabina Classen do HOLY MOSES, Hansi Kürsch do BLIND GUARDIAN, Biff Byford do SAXON, todos nos vocais, além dos guitarristas Phill Campbell (ex-MOTORHEAD), Andy Brings (ex-SODOM), Chris Caffery (do CIRCLE II CIRCLE), e Uli Jon Roth, além de Frau Schmitt nos violinos, além da turma do CORVUS CORAX e do LORDI (que em seu dueto realmente lembra algo de “A Bela e A Fera”). O mais interessante é ver a diversidade dos convidados, já que nem todos chegam a ser veteranos tarimbados como a Metal Queen. E cada um a seu jeito deu um toque especial, um brilho a mais em sua participação.

O show do Wacken realmente é uma celebração, varrendo toda carreira de Doro Pesch, com músicas famosas tanto do WARLOCK (banda que a projetou em meados dos anos 80) como de sua carreira com o DORO. É uma exibição de clássicos como “Wacken Anthem (We Are the Metalheads) “ (que é cantado originalmente por Doro), a clássica “Burning the Witches”, a forte e envolvente “East Meets West” (que tem a participação especial de Chris Boltendahl), a grudenta e essencial “Raise Your Fist in the Air”, as também essenciais e cheias de energia “Hellbound” e “Earthshaker Rock” (ambas do WARLOCK), e a festa no palco em “All We Are”, onde Eric Fish, Joakim Brodén e a turma do CORVUS CORAX sobem junto com a banda. Chega a emocionar.

Já a parte da “Classic Night”, devido ao acompanhamento da orquestra, é focada bastante em músicas mais acessíveis e melodiosas, com Doro interagindo bastante com o público (chega a descer do palco duas vezes, uma perto da grade para tirar fotos com o público e outra em que sobe nas costas de um membro da segurança e canta no meio da audiência), Mas ver e ouvir “Touch of Evil”, a versão para “Fear of the Dark” com a participação especial de Blaze Bayley (acho que Bruce enfartaria, já que ambos dão um show nos vocais), a linda “You’re My Family” (que para quem não sabe, é uma declaração de amor de Doro para seus fãs, pois ela optou em não ter casamento ou filhos para se dedicar exclusivamente à carreira), a linda “Hero”, a participação especial de Udo Dirkschneider em “Princess of the Dawn” (um cover do ACCEPT) e “Dancing With an Angel” (em que pese a voz do homem não ser mais a mesma), e o dueto quase improvável de Doro e LORDI em “Hard Rock Hallelujah”. Em alguns takes, vemos até mesmo uma bandeira do Brasil na grade, ou seja, alguém daqui estava lá!

Na “Rock Night”, a coisa fica quente e pesada, com um desfile de clássicos como “Raise Your Fist in the Air”, “Running from the Devil”, a sensível “Without You”, o fogo cruzado do dueto de divas em “East Meets West” (com Doro e Sabina Classen mostrando uma energia e contraste entre limpo e gutural), “Rock Till Death” (onde Hansi Kürsch dá as caras e mostra serviço), “Bad Blood” (onde a galera do LORDI aparece mais uma vez), a versão definitiva para “Denim and Leather” do SAXON (onde Sir Biff Byford arrasa), “Wacken Anthem (We Are the Metalheads)” (onde Tom Angelripper, do SODOM, dá uma canja). Mas o público pega fogo quando Udo sobe ao palco e dessa vez detona com o clássico “Balls to the Walls” (tudo bem que a voz não é a mesma, mas mesmo assim, ele faz bonito, assim como o DORO inteiro se mostra excelente), e em “All We Are”, o show se encerra maravilhosamente.

O DVD 2 nos trás dois documentários. Mas não se desesperam: existem legendas em português, uma preciosa contribuição da Shinigami Records para que possamos entender. 

O primeiro é “Behind the Curtain – Inside the Heart of Doro”, que fala de toda preparação para o show do Wacken e a tour europeia. O comentário inicial é bem pertinente, falando de como uma mulher pôde se firmar em um meio que era, prioritariamente, masculino até os anos 80. Assim, o documentário é cheio de depoimentos de Doro e outras pessoas, acompanha momentos por trás do palco e aqueles que os fãs pouco conhecem, que são os pensamentos íntimos e os preparativos para tours e shows em grandes festivais (Doro fala o quanto se preparou e o nervosismo do dia anterior ao show no Wacken). Os depoimentos de músicos sobre como conheceram Doro e mesmo a interação deles com a Metal Queen são interessantes (como quando Sabina Classen fala de quando cantaram juntas e levaram bronca do empresário de Doro). Mas também existem comentários feitos pela equipe técnica da banda, entre outros. 

O segundo é “Strong and Proud – 30 Years of Rock and Metal”, onde tudo gira em torno de shows fora da Europa, com cenas em vários locais, inclusive no Brasil, e mesmo em cruzeiros voltados a Metal, e mesmo a preparação para o show com orquestra, onde fica claro que os músicos que se uniram à orquestra vieram de vários países diferentes. E mais e mais depoimentos de músicos sobre o aniversário de 30 anos de carreira da musa máxima do Metal (o de Biff é emocionante). 

O DVD 3 são músicas adicionais que não entraram no DVD 1, como os takes no Rock Hard Festival e na tour russa, ambos fazendo parte das comemorações de 30 anos de carreira. Durante a Rock Night, é um prazer ver a participação de Andy Brings em “Ich Will Alles” e Biff mais uma vez na clássica “You’ve Got Another Thing Coming” do JUDAS PRIEST, bem como “Hellbound” no Rock Hard e “A Touch of Evil” e “I Rule the Ruins” na tour Russa.

Não tem jeito: Doro é mesmo Rainha do Metal, uma inspiração para muitos. E “Strong and Proud – 30 Years of Rock and Metal” é um presente dela para todos nós.

Que venham mais 30 anos!
 





Comentário(s):